Novum Canal

mobile

tablet

PSD Porto defende investimento do Plano de Recuperação e Resiliência na ampliação do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa
Fotografia: PSD Porto

(C/VÍDEO) PSD Porto defende investimento do Plano de Recuperação e Resiliência na ampliação do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa

Partilhar por:

Sofia Matos, cabeça-de-lista do PSD no Distrito de Porto às eleições legislativas, agendadas para o dia 30 de janeiro, liderou uma comitiva de candidatos a deputados que reuniu com o Conselho de Administração do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS).

O PSD destaca, em comunicado, que os “candidatos a deputados pelo distrito do Porto reuniram, esta segunda-feira, com a administração do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS) e identificaram o reforço dos serviços de urgência e da consulta externa como prioridades de investimento para a próxima legislatura”, tendo a deputada reconhecido “o enorme esfoço e dedicação dos profissionais de saúde do CHTS na resposta à pandemia”.

Citada em comunicado, a cabeça de lista recordou que esta “região foi das primeiras do país a ser fustigada pelo COVID-19 e todos reconhecemos a superação do estado crítico no CHTS, vivida no Outono de 2020, só foi possível devido à tremenda dedicação dos médicos, enfermeiros e auxiliares desta unidade de saúde”.

O PSD relembra que o “CHTS é a unidade hospital com a maior área de referência no Norte e com a segunda maior do país, em termos de número de habitantes abrangidos pelos seus serviços”, sustentando que “ao longo dos anos têm sido evidenciadas diversas fragilidades, nomeadamente na capacidade de resposta nas urgências, no internamento e, ainda, na consulta externa”.

Fotografia: PSD Porto

“Neste contexto, o PSD reivindica um forte investimento do Governo da República, através dos recursos disponíveis no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência, na ampliação do serviço de urgência e do reforço do espaço físico para o serviço de consultas externas que, atualmente, está claramente subdimensionado”, lê-se na respetiva nota informativa que nos foi endereçada.

“o CHTS é um dos principais centros hospitalares do Norte de Portugal e tem a seu cargo os cuidados de saúde de mais de 500.000 habitantes. É urgente investir no aumento da sua capacidade de resposta para que a população do Tâmega Sousa tenha um serviço de saúde adequado às suas necessidades”, acrescenta Sofia Matos.    

O PSD relembra que o CHTS, constituído pelo Hospital Padre Américo, em Penafiel e pelo Hospital de S. Gonçalo em Amarante, quando foi construído, “o Hospital Padre Américo destinava-se a servir uma população de cerca de 320 mil habitantes dos municípios do Vale do Sousa, mas, com a criação do Centro Hospital do Tâmega e Sousa, a área de referência alargou-se aos concelhos do Tâmega e Douro Sul, passando a ter a seu cargo uma população de 520 mil habitantes”.


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!