Novum Canal

mobile

tablet

Pianista Joaquim Villalta enaltece dinamismo cultural de Penafiel antes do concerto de Piano Duo
Fotografia: Prof. Joaquim Villalta: Aula de Piano

(C/VÍDEO) Pianista Joaquim Villalta enaltece dinamismo cultural de Penafiel antes do concerto de Piano Duo

Partilhar por:

O pianista Joaquim Villalta, que vai estar este sábado, em Penafiel, para um concerto de Piano Duo, com Fanny Escrig, na Igreja da Misericórdia de Penafiel, numa iniciativa da Irmandade Epicurista IEAMA, que conta com a colaboração da Santa Casa da Misericórdia, enalteceu o dinamismo cultural da cidade e a matriz história de Penafiel.  

O pianista, em declarações ao Novum Canal, confessou ser um apaixonado por Penafiel, referindo-se à cidade como uma urbe extraordinária.

“Além do Porto, Penafiel é, igualmente, uma cidade extraordinária, tive a oportunidade de desfrutar da sua gastronomia e da sua história. Gosto imenso de Portugal, tenho inúmeros amigos, e quando tive a oportunidade de dar este concerto com a professora Fanny Escrig, com a qual já protagonizei vários concertos em diferentes pontos do mundo, em Penafiel, um local único, não hesitei. Além do mais o concerto decorrerá na Igreja da Misericórdia de Penafiel, lugar de elevado interesse artístico-cultural e histórico”, disse.

O pianista realçou que espera, com este concerto, conseguir conectar-se com o público e acima de tudo transmitir emoções, através da linguagem sublime da música.

“Espero o que todos os artistas esperam. Como qualquer artista espero conseguir conectar-me com o público e as pessoas que vão estar na Igreja da Misericórdia, transmitir, comunicar sentimentos e emoções. A nossa sociedade está envolta em problemas e tensões desagradáveis e a linguagem da música é a mais sublime das linguagens. Através da música podemos transmitir uma sensação de paz, emoção, tranquilidade, num lugar excecional que me transmite uma vivência histórica muito elevada. Porto e Penafiel, pela sua história, são das cidades mais belas do mundo que conheci. Estamos a falar de encontro de culturas e a música é uma comunicação intercultural. Espero dar o melhor de mim neste concerto para transmitir essas emoções”, revelou, salientando que o reportório do concerto tem como pano de fundo a música clássica.

“Será um reportório musical interessante de obras de grande conexão”, acrescentou, saudando o regresso dos público aos concertos.

“Este é um concerto aberto ao público e convido todos os penafidelenses e outras pessoas a escutar-nos porque este é um reportório tocou recentemente em Barcelona e creio que esta aproximação através da arte é o mais sublime do ser humano”, manifestou.

O concerto está agendado para as 21 horas.

A apresentação estará a cargo de Francisco José Oliveira e Francisco Monteiro.


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!