Novum Canal

mobile

tablet

Iúri Leitão arrecada quarto lugar e por pouco não segurou medalha de bronze
Fotografia: Federação Portuguesa de Ciclismo

Iúri Leitão arrecada quarto lugar e por pouco não segurou medalha de bronze

Partilhar por:

O ciclista Iúri Leitão deixou escapar o bronze no Campeonato do Mundo de Pista, em Roubaix, França, tendo terminando na quarta posição.

A Federação Portuguesa de Ciclismo destaca. Em comunicado, que o ciclista português “brilhou ao longo de todo o concurso de omnium e tentou ao máximo segurar o terceiro lugar. No entanto, o sprint final de Elia Viviani (Itália) impediu o ciclista português de conquistar o bronze no Campeonato do Mundo de Pista em Roubaix, França, terminando assim na quarta posição”.

“O corredor português esteve bem desde início, conseguindo o quarto lugar na prova de scratch. Na corrida tempo mostrou-se, uma vez mais, ao mais alto nível, terminando na segunda decisão. Venceu quatro dos sprints e somou ainda mais 20 pontos, após ter conseguido fazer a dobragem. Desta feita, partiu para a segunda metade do programa de omnium com 72 pontos, no segundo lugar da geral, atrás de Ethan Hayter (Grã-Bretanha), que somava 80 pontos”, refere o comunicado da Federação Portuguesa de ciclismo que salienta que o atleta nacional começou bem a corrida de eliminação, “conseguindo evitar as primeiras eliminações”.

Fotografia: Federação Portuguesa de Ciclismo

“Quando restavam apenas 10 corredores em prova, o corredor português esteve por duas vezes em perigo de ficar de fora, o que acabaria por acontecer, terminando assim na oitava posição.  Desta feita, o corredor que representa a seleção nacional chegou à última prova do programa de omnium na terceira posição da geral, com 98 pontos, menos 16 que o líder Ethan Hayter. Iúri Leitão arrancou bem na prova, tentando sempre posicionando bem para somar pontos nos sprints. Somou pontos em cinco sprints, ganhando dois deles. O corredor português conseguiu manter-se durante toda a corrida no terceiro lugar, defendendo sempre a sua posição”, lê-se na nota informática.

“No sprint final, Elia Viviani (Itália) não deu qualquer hipótese, somando 10 pontos que retiraram o bronze a Iúri Leitão. O corredor português terminou assim no quarto lugar, com 117 pontos, naquele que foi o melhor resultado da seleção nacional, até ao momento, nestes mundiais de pista”, acrescenta o comunicado que nos foi endereçado.

O ciclista Ethan Hayter dominou o “programa de omnium de início ao fim, rematando com uma corrida por pontos na qual tornou a não dar qualquer hipótese aos adversários. O britânico, que disputou este ano a vitória na Volta ao Algarve, venceu a prova com 180 pontos”.

Este domingo decorre “o último dia de prova, com João Matias e Rui Oliveira a disputarem a prova de madison pelas 13h57 (hora portuguesa) e Iúri Leitão a regressar também à pista para a corrida de eliminação às 15h39 (hora portuguesa)”.


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!