Novum Canal

mobile

tablet

Carlos Cardoso substitui Pedro Semblano como novo vereador da Câmara de Cinfães
Fotografia; Câmara de Cinfães

Carlos Cardoso substitui Pedro Semblano como novo vereador da Câmara de Cinfães

Partilhar por:

Carlos Cardoso  é o novo vereador da autarquia cinfanense, substituindo Pedro Semblano, depois deste ter renunciado ao cargo.

A Câmara de Cinfães esclarece, na sua página oficial, que Carlos Cardoso tomou posse como vereador, na reunião realizada em 15 de abril.

A câmara avança que “Carlos Cardoso, engenheiro civil de formação,  desempenhou até então as funções de chefe de gabinete do presidente da câmara desde outubro de 2013, assumindo agora novas funções no executivo”.

O município realça que Carlos Cardoso terá a seu cargo os pelouros da “Gestão, Fundos Comunitários e Modernização Administrativa; Economia e Desenvolvimento Rural; Emprego, Empreendedorismo e Inovação; Turismo e Serviços de Informação e Tecnologia da Informação”.

A autarquia manifesta, ainda, que por despacho do presidente da Câmara de Cinfães, Armando Mourisco, de 25 de outubro de 2017, foram designados vereadores a tempo inteiro, Serafim Rodrigues, Pedro Miguel Semblano Teixeira e Sónia Maria Pereira Soares, sendo que o vereador Pedro Miguel Semblano Teixeira, endereçou ao chefe do executivo no “dia 9 de abril de 2021, um e-mail comunicando a sua renúncia ao mandato como vereador”.

Carlos Cardoso substitui Pedro Semblano como novo vereador da Câmara de Cinfães
Fotografia; Câmara de Cinfães

“Por força desta renúncia, em reunião ordinária do executivo municipal realizada em 15 de abril de 2021, foi este vereador legalmente substituído pelo vereador Carlos Alberto Lopes Cardoso, importando ajustar as competências delegadas nos vereadores, observando os princípios da eficácia e eficiência da gestão municipal, da prossecução do interesse público e da proteção dos direitos e interesses dos cidadãos”, lê-se  no despacho do autarca que confirma ter designado o vereador “Carlos Alberto Lopes Cardoso para o exercício de funções a tempo inteiro”, sendo que “os vereadores deverão, nos termos da lei” dar ao presidente da câmara municipal “informação detalhada sobre o desempenho das tarefas de que tenham sido incumbidos ou sobre o exercício das competências que lhe sejam delegadas e subdelegadas”.


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!