Novum Canal

mobile

tablet

Publicidade

Vereador de Lousada assegura que superespecial está a ser meticulosamente organizada. Rali de Portugal decorre de 20 a 23 de maio.
Fotografia: Câmara de Lousada

Entrevista: Vereador de Lousada assegura que superespecial está a ser meticulosamente organizada. Rali de Portugal decorre de 20 a 23 de maio.

Partilhar por:

De acordo com a versão provisória, o Rali de Portugal decorrerá de 20 a 23 de maio, tendo uma extensão de 346 quilómetros e 21 provas especiais.

Lousada será um dos concelhos da região que irá acolher novamente aquela que é a prova mais importante do desporto motorizado realizada no país, com uma superespecial de 3.36 km, agendada para o dia 21.

Refira-se que na véspera, o concelho vizinho de Paredes irá acolher shakedown com uma extensão de 4.60 quilómetros.

O vereador do Desporto da Câmara de Lousada, António Augusto, numa antevisão  sobre o que será esta superespecial realizada em pleno contexto de crise sanitária e questionado sobre os preparativos que estão já a ser realizados no sentido de acolher esta superespecial, relevou a importância do Rali voltar a Lousada, concelho conhecido pela sua ligação ao desporto automóvel.

“Acho que a principal novidade, será mesmo termos o Rali de volta a Lousada e às estradas de Portugal depois de um ano de interregno e de muitas dúvidas. Haverá um reagrupamento e abastecimento que fará permanecer mais tempo carros e pilotos em Lousada, o que noutras circunstâncias seria um ponte de interesse extra”, disse, sustentando esperar que a superespecial volte a ser o espetáculo habitual, apesar da edição deste ano não contar com o mar de gente que em edições anteriores da prova costumam acorrer à Pista da Costilha, em Lousada.

“Que volte a ser o espetáculo habitual, sendo certo que aquele famoso anfiteatro cheio de público não irá este ano repetir-se; contudo, que a emoção possa ser desfrutada nos ecrãs televisivos com o mesmo entusiasmo e a mesma intensidade”, destacou, manifestando não temer que um eventual agravamento da situação epidemiológica da Covid-19 possa comprometer a realização da prova.

Vereador de Lousada assegura que superespecial está a ser meticulosamente organizada. Rali de Portugal decorre de 20 a 23 de maio.
Fotografia: Câmara de Lousada

“Julgo que esse cenário será uma possibilidade remota. O civismos dos portugueses, as medidas de mitigação das autoridades e o efeito da vacinação afastam-nos de um cenário com uma severidade tal, que leve ao cancelamento da prova. Tal cenário seria muito negativo e até impactante em futuras edições da prova em Portugal”, frisou, reiterando que esta será uma prova sem público.

“Previsivelmente sim. Contudo, continuo a acreditar, que ainda possa ser possível, acontecer com uma lotação bastante limitada. O Eurocircuito é um recinto fechado de fácil controle o que aliado à experiencia organizativa do ACP e do CAL, poderá haver condições para ter alguns espetadores em segurança”, expressou, garantindo que a prova está a ser meticulosamente organizada.

“A prova está a ser meticulosamente organizada, cumprindo obviamente todas as recomendações da DGS”, acrescentou.


Partilhar por:

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!