Novum Canal

mobile

tablet

Publicidade

Maia: Homem suspeito de violência doméstica fica com pulseira eletrónica
Fotografia: GNR

Três detidos suspeitos por burla a idosos em Espinho (c/ vídeo)

Partilhar por:

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Vila Nova de Gaia, deteve, na sexta-feira, “em flagrante delito”, dois homens, de 36 anos, e uma mulher de 41, suspeitos pelo crime de burla a idosos, no concelho de Espinho.

Segundo a GNR, “no decorrer de um patrulhamento, os militares da Guarda abordaram uma viatura referenciada em crimes de burla a idosos que fora detetada a circular nas imediações. Aquando da abordagem, os militares verificaram que os três ocupantes da viatura estavam na posse de vários objetos em ouro, tendo vindo a apurar-se que os referidos objetos tinham furtados momentos antes a um casal de idosos com cerca de 80 anos e residentes no concelho de Espinho”

A Guarda informa que “os suspeitos praticaram uma burla na qual a suspeita, durante uma conversa mantida com as vítimas, solicitava às mesmas para utilizar a casa de banho da sua residência, furtando objetos no seu interior, enquanto que os restantes dois suspeitos permaneciam no exterior, junto das vítimas”.

As autoridades esclarecem que foi apreendido: “um cordão de ouro, com uma medalha de ouro; um anel; um alfinete com duas libras; uma pulseira de ouro; duas argolas de ouro; 185 euros em numerário”, correspondendo o material “ à totalidade dos bens furtados”.

Paredes: Prisão domiciliária por tráfico de estupefacientes
Fotografia: GNR

As autoridades destacam que os  “bens foram restituídos às vítimas”.

A Guarda avança, ainda, que “os detidos irão ser presentes ao Tribunal Judicial de Santa Maria da Feira, para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação”.

A GNR manifesta, ainda, que “habitualmente, os burlões são homens ou mulheres bem vestidos, bem-falantes, com voz calma e afável, com uma conversa convincente e cativante que levam as pessoas a fazer aquilo que não querem”.

Para prevenir este tipo de crimes, a GNR aconselha: “não confie em estranhos bem-falantes ou cheio de boas intenções; desconfie de esquemas que lhe ofereçam dinheiro fácil; em caso de dúvida não deixe entrar ninguém em casa; não demonstre estar sozinho, mesmo que não esteja ninguém em casa, chame por um vizinho ou um familiar próximo; o apoio mútuo entre vizinhos de confiança pode ajudar em situações duvidosas”.


Partilhar por:

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!