Novum Canal

mobile

tablet

Fotografia: Câmara de Felgueiras

“Felgueirenses são os habitantes do distrito do Porto que pagam a água mais barata”, afirma município, com base em estudo. (C/ Vídeo)

Partilhar por:

Fotografia: Câmara de Felgueiras

Os habitantes de Felgueiras são os que no distrito do Porto pagam a água mais barata.

Quem o afirma é a autarquia felgueirense, com base num estudo da Deco /Proteste.

Com base no mesmo estudo, o município esclarece que ttem o “custo mais baixo da fatura ambiente (água, saneamento e lixo), e a qualidade da água do município é 100% segura, segundo a Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (Ersar).

Em comunicado enviado ao Novum Canal, o vereador do Ambiente, Joel Costa, salienta que o executivo tem vindo a trabalhar no sentido de garantir que os munícipes usufruem de água de qualidade, “na quantidade necessária e a um baixo custo, pois considera que estes são fatores importantes a ter em conta numa adesão à ligação da rede pública de abastecimento de água”.

 “A capacidade de fornecimento público de água à população constitui um serviço fulcral ao bem-estar, à saúde pública e à segurança coletiva da comunidade, às atividades económicas e à preservação do ambiente, daí ser importante que os habitantes consumam água da rede pública a preços acessíveis”, disse.

Fotografia: Câmara de Fegueiras

O município sustenta que no que “respeita à qualidade da água e em consonância com os dados, passíveis de serem consultados em www.ersar.pt, pode-se verificar que nos últimos três anos a percentagem de segurança da água a ser fornecida pelo município de Felgueiras ronda os 100%, transparecendo assim junto dos seus munícipes uma confiança absoluta em relação a este serviço”.

“Já em termos de custos associados ao serviço de águas, o município acredita que deverá ser sempre aplicado um valor socialmente aceitável para os felgueirenses, atendendo continuamente à estabilidade económica dos seus munícipes aquando a prestação destes serviços”, refere o comunicado.

A autarquia reitera que segundo dados avançados pela Deco Proteste, “o município na fatura ambiente para um consumo médio de 120 metros cúbicos anuais de água, é aplicado um valor médio de 228,24€, e para um consumo de 180 metros cúbicos/ano, o valor médio passará a rondar os 319,44€ (+91,20€)”, e que quando comparados custos aplicados por municípios limítrofes refletem uma diferença média de 143,55 euros.

“Estes valores em comparação com os custos aplicados por municípios limítrofes refletem uma diferença média de 143,55 euros para um consumo de 120 metros cúbicos anuais, e para um consumo de 180 metros cúbicos/ano, essa diferença média acentua-se nos 187,03€. De ressalvar que os valores mencionados incluem abastecimento de água, saneamento e resíduos sólidos”, acrescenta a mesma nota de imprensa.    

“O município de Felgueiras acredita que a utilidade pública do serviço em questão e o seu cariz essencial associado, são fatores determinantes no cálculo dos valores a aplicar, tornando Felgueiras no concelho do distrito do Porto com o custo mais baixo relativamente à fatura anual de água. Já em termos nacionais, o último lugar do ranking dos dez municípios com o valor/ano mais elevado confere um valor médio de 402,34€, o que se traduz numa grande diferença para o concelho de Felgueiras (228,24€), demonstrando que o município está distante dos concelhos com os custos/ano mais elevados no que à fatura ambiente respeita”,  infere o executivo municipal.      


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!