Novum Canal

mobile

tablet

Estratégia Nacional para o Mar 2021-2030 aprovada em Conselho de Ministros

Proteção Civil alerta para agitação marítima e vento em todo o arquipélago dos Açores

Partilhar por:

Fotografia: SRPCBA – Açores

O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA) com base nas informações do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), prevê agitação marítima e vento para todo o arquipélago.

No Grupo Oriental foi lançado o alerta de aviso amarelo devido à agitação marítima no período entre as 00H00 e as 18H00 de amanhã, dia 11 de fevereiro, com ondas do quadrante oeste.

No Grupo Central foi também emitido o aviso amarelo devido ao vento, no período entre as 18H00 de amanhã, 11 de fevereiro, e as 06H00 de sexta-feira, 12 de fevereiro, com direção de sudoeste.

Durante o dia de hoje prevê-se agitação marítima, no período entre as 11H40 e as 15H00 e ondas do quadrante oeste.

Já para esta quinta-feira, o IPMA emitiu um aviso Laranja devido à agitação marítima, No período entre as 15H00 de hoje e as 12H00, prevendo-se ondas do quadrante oeste.

Para sexta-feira, foi também emitido um aviso amarelo  devido à agitação marítima, no período entre as 12H00 de amanhã e as 12H00, ondas do quadrante oeste.

No Grupo Ocidental, o alerta para amanhã é também de aviso amarelo devido ao vento, no período entre as 11H40 de hoje e as 21H00, direção de oeste, rodando para sudoeste.

Para sexta-feira, o IPMA emitiu um aviso laranja devido à agitação marítima, no período entre as 11H40 de hoje e as 00H00 de sexta-feira, dia 12 de fevereiro, com ondas de quadrante a oeste.

Para sábado, as previsões, neste grupo, não de aviso amarelo, mantendo-se a agitação marítima, no período entre as 00H00 de sexta-feira, 12 de fevereiro, e as 06H00 de sábado, 13 de fevereiro, com ondas do quadrante oeste.

Fotografia: SRPCBA – Açores

O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores recomenda Verifique a validade “dos seguros da sua casa e viatura e certifique-se que têm cobertura para fenómenos da natureza; consolide telhados, portas e janelas; corte ou pode as árvores próximas, que apresentem risco de queda. No caso de árvores de grande porte ou que não sejam propriedade sua, informe os serviços da sua autarquia e mantenha limpos os sistemas de drenagem, bem como, os adjacentes à sua residência. Caso tenha conhecimento de uma situação que possa provocar danos, alerte as autoridades competentes”.

Recomenda-se, ainda, que “guarde os objetos soltos do jardim e o caixote do lixo ou outros que possam ser projetados pelo vento. Um objeto, mesmo que leve, projetado por vento forte pode causar grandes prejuízos materiais e acidentes pessoais graves; feche bem portas, janelas e persianas; mantenha a sua viatura com o tanque de combustível cheio, pois poderá ter que fazer, nas suas deslocações, percursos maiores por via de estradas interrompidas ou intransitáveis e abrigue os animais, particularmente os domésticos, pois são extremamente sensíveis a temporais”.

Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores solicitam, também, que “dentro de casa, escolha um local seguro, afastado de portas e janelas, procurando não potenciar o risco”, esclarecendo que se verificar que “existem infiltrações, barulhos estranhos ou fendas nas paredes, contacte as autoridades. Pode ter de abandonar a sua residência”.

Avisa-se, ainda, que “se precisar sair de casa, desligue a eletricidade, o gás e a água. Essa medida contribui para evitar acidentes nos seus bens e nas forças de segurança. Leve o seu Kit de emergência, poderá necessitar dele”, recordando que “se estiver fora de casa, procure abrigo, aguarde que o mau tempo passe; não circule sem necessidade. Pode atrapalhar a circulação das forças de segurança e colocar em risco a sua segurança, nomeadamente, cair em buracos ocultados por lençóis de água” e em “locais não pavimentados, redobre a sua atenção, pois as águas podem causar erosão dos solos, levando à queda de muros, taludes, postes, entre outros”.

O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores recomenda, também, “ especial cuidado na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas. Afaste-se de áreas baixas junto à costa; não pratique atividades relacionadas com o mar, nomeadamente, pesca desportiva, desportos náuticos, ou passeios à beira-mar”, recomendando aos cidadãos para seguirem as recomendações dos agentes das autoridades presentes.


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!