Novum Canal

mobile

tablet

Nanopartículas em destaque no Biolousada
Fotografia: Câmara de Lousada

Genética e conservação da natureza em análise no BioLousada em Casa desta sexta-feira

Partilhar por:

Fotografia: Câmara de Lousada

Os temas genética e conservação da natureza vão estar, esta sexta-feira, pelas 21h00,  em destaque no Biolousada, programa de sensibilização ambiental, iniciado em 2016 pela Câmara Municipal de Lousada em parceria com a Associação BioLiving e o apoio da Universidade de Aveiro, que tem como metas promover iniciativas dedicadas à descoberta e divulgação da fauna e flora.

Segundo a autarquia lousadense, o tema irá mostrar a importância que a genética e os estudos laboratoriais têm na conservação da natureza e da biodiversidade, contando com presença de Eduardo Ferreira, biólogo e investigador no Departamento de Biologia da Universidade de Aveiro, onde é responsável pelo Laboratório de Genética da Unidade de Vida Selvagem.

De acordo com o município o Biolousada, “mais do que uma programação de educação ambiental, o programa BioLousada foi pensado como um plano de envolvimento dos cidadãos na valorização e proteção dos valores naturais do território. Tendo como máxima que só se pode proteger aquilo que se conhece, estão programadas iniciativas mensais dedicadas a determinado tema, de acordo com as estações do ano”.

A câmara municipal esclarece, também, que a iniciativa Plantar Lousada… no seu quintal, que decorre até dia 20 de março, continua a oferecer árvores a quem mostrar interesse.

“O procedimento é simples e os pedidos podem ser efetuados até dia 20 de março. De referir que basta um pedido simples para quem pretender plantar até 15 árvores. Todos os que pretenderem um número superior devem efetuar o pedido através de www.cmlousada.pt/p/plantarlousadaquintal”, avança o município que esclarece que as árvores estão disponíveis no Ecocentro, que pode ser visitado de terça a sexta-feira, das 10h00 às 12h00 e das 14h00 às 18h30, e ao sábado, entre as 10h00 e as 12h00.

Fotografia: Câmara de Lousada

A câmara municipal clarifica, ainda, que a plantação de árvores em Lousada é uma atividade a que a população está familiarizada, sendo que desde 2016, já foram plantadas mais de 50 mil árvores, com o apoio de mais de 5700 voluntários que ajudaram a restaurar mais de 40 hectares de áreas degradadas.

“Assim, o Município volta a oferecer árvores e arbustos, para continuar a tornar Lousada mais verde. No total são cerca de 20 mil árvores e arbustos para oferecer a todos aqueles que queiram plantar ou florestar o seu quintal ou terreno com espécies nativas. Nesta nova edição existem novas espécies disponíveis, adequadas também a espaços mais pequenos”, acrescenta a nota de imprensa.


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!