Novum Canal

mobile

tablet

Concurso melhor capão vivo premiou produtora que venceu pela primeira vez

Partilhar por:

Fotografia: Câmara de Paços de Ferreira

Manuela Queirós, de Eiriz, conquistou pela primeira vez o concurso  melhor capão vivo que decorreu, este domingo, em Freamunde, concelho de Paços de Ferreira, iniciativa promovida Associação de Criadores de Capão de Freamunde em parceria com a Câmara Municipal e a Junta de Freguesia de Freamunde.

O segundo e terceiro lugares foram arrecadados pela senhora Fernanda e o senhor Alfredo Meireles.

A autarquia referiu que a Feira de Santa Luzia, popularmente conhecida pela Feira dos Capões, decorreu com toda a normalidade, sob fortes medidas sanitárias, tendo encerrado cerca das 13 horas.

Refira-se que a Feira dos Capões está integrada na XV Semana Gastronómica do Capão à Freamunde que terminou, também, este domingo, e integrou 13 restaurantes aderentes.

A Semana Gastronómica devido à atual situação pandémica, este ano, sofreu várias alterações, com os pedidos  junto dos restaurantes aderentes a serem de meio capão ou capão inteiro e efetuados sempre por marcação prévia, com o mínimo de 24 horas de antecedência.

Este ano, a organização promoveu, também, um serviço de takeaway, criado especialmente para este ano, permitindo assim que os munícipes e os apreciadores desta ave pudessem apreciar o Capão à Freamunde, também, em suas casas.

Fotografia: Câmara de Paços de Ferreira

A organização da XV Semana Gastronómica ofereceu a todos os restaurantes embalagens produzidas especificamente para este evento e adequadas a esta iguaria.

Recorde-se, por outro lado, que a Feira de Santa Luzia, vulgarmente conhecida pela “Feira dos Capões”, que contou, mais uma vez, com  vários produtores de galináceos, tem como objetivos incentivar os criadores de capão a manterem viva esta tradição de Freamunde.

De acordo com o município “a Feira dos Capões foi oficialmente instituída a 3 de outubro de 1719 por provisão d’El-Rei D. João V. Os estudiosos indicam-na como costume medieval, pelos relatos de notícias em documentos do Séc. XV. O melhor da feira, e o que lhe concedeu a fama e popularidade dos dias de hoje, é o imenso mercado de aves que atrai milhares de visitantes à Cidade de Freamunde vindos de todo o Portugal e até de Espanha, sobretudo da Galiza” que esclarece que a “certificação do Capão à Freamunde, com a denominação de Indicação Geográfica Protegida (IGP), atribuída pela Comissão Europeia, tem levado a Câmara de Paços de Ferreira a apostar na promoção desta especialidade em diversas capitais europeias, de modo a que o capão à Freamunde ombreie lado a lado com outras especialidades da gastronomia europeia e mundial. No nosso país, durante a noite de consoada, o capão à moda de Freamunde, assado no forno, acompanhado com batatas assadas e grelos, já substitui, desde há vários anos, o peru, outra ave muito apreciada durante as festas natalícias dos portugueses”.


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!