Novum Canal

mobile

tablet

Banda Musical de Arouca celebra esta semana 195 anos de existência ao serviço de cultura e da música

Partilhar por:

Fotografia: Banda Musical de Arouca

A  Banda Musical de Arouca, Associação Cultural e Artística, instituição de utilidade pública, medalha de Mérito Municipal (grau ouro), celebra esta semana 195 anos de existência.

Para assinalar a efeméride a instituição partilhou, na sua página oficial do facebook, várias mensagens vídeo de elementos da direção, dos órgãos sociais, mas também  daqueles que são os verdadeiros intérpretes deste agrupamento musical , que é presentemente uma referência na região e não só.

Na mesma mesma publicação, a Banda Musical de Arouca confessou que devido à crise sanitária que continua a atingir a região e o país teve de alterar o programa de aniversário que tinha definido e que pretendia partilhar  com os muitos seguidores da instituição e com a comunidade.

“2020 está a ser um ano diferente. Um ano de adaptação à nova realidade que vivemos. E este ano, a Banda Musical de Arouca celebra 195 anos. Tínhamos todo um programa pensado para assinalar esta data tão especial, mas tivemos de nos adaptar. Assim, na impossibilidade de festejarmos esta data como queríamos, não a vamos deixar passar em branco”, avançou, recordando que há um ano estava a fazer música no “VI Concurso de Bandas Filarmónicas de Braga”, onde arrecadou o 3.° lugar.

“Com muito trabalho e dedicação conseguimos escrever mais umas linhas na nossa história e superar os nossos maiores desafios”, salientou a instituição.  

Fotografia: Banda Musical de Arouca

“Hoje estamos a viver talvez o ano mais atípico das nossas vidas. Não tivemos festas, fizemos apenas dois concertos e alguns ensaios. Não estivemos todos juntos. Mas uma coisa é certa, a vontade de retomar a nossa atividade é muita. E vamos voltar todos mais fortes”, refere a mesma publicação.

Na mensagem vídeo que partilhou, o presidente da Banda Musical de Arouca, Fernando Brandão, realçou o caráter e a dimensão da Banda Musical de Arouca, assumindo que é para si um “orgulho” fazer parte desta instituição.

“É um orgulho pertencer a esta instituição, Banda Musical de Arouca, que comemora esta semana 195 anos de existência, de uma atividade ininterrupta e que fez com que esta direção não pudesse deixar ficar isso por mãos alheias. 195 anos de história em que a Banda passou por duas guerras  mundiais, por outras crises, por outras pandemias, e com todo o respeito por este vírus, não podemos parar com esta atividade. Assim este ano realizamos alguns pequenos concertos ensamble e pequenas  atividades para mantermos a chama viva da associação”, disse, parabenizando os vários atores e agentes que ao longo destes anos têm dado o seu contributo à Banda e tudo têm feito para que esta seja cada vez mais uma referência.

“Neste aniversário quer agradecer e dar os parabéns a todos os meus colegas músicos, a todos os maestros, ao atual maestro, a todos os que passaram por aqui, a todos os alunos e professores da escola de música, a todos os familiares desta grande família, aos que nos apoiam financeiramente, aos nossos patrocinadores e aos sócios beneméritos que estão connosco nas fases mais difíceis. Nestes 195 anos de atividade não poderia deixar de felicitar  todos os que nos enviaram durante esta semana os seus vídeos. Deixar, e como estamos numa época festiva, um feliz Natal e um Ano Novo bem diferente deste ano e no qual a Banda se irá apresentar com toda a dinâmica e orgulho em pertencer a este concelho e em pertencer à classe cultural do município de Arouca”, afirmou.

O presidente da Assembleia-Geral, Dário Tomé, manifestou o seu desagrado pelo impossibilidade da Banda não poder partilhar este momento com a comunidade.

O presidente da Assembleia-Geral recordou que a Banda Musical de Arouca tem 195 anos de existência ininterrupta ao serviço da cultura e da prática da primeira de todas as artes que é a música, sendo, também, presença determinante nas festividades natalícias e de Ano Novo.

“É com muita mágoa e tristeza que não vos poderemos presentear  com os nosso extraordinário concerto de Natal e Ano Novo com as vozes dos nossos maravilhosos coros, ressoando e embebendo os espaços na Igreja, do nosso Mosteiro de Santa Mafalda, sem esquecermos o maravilhoso convívio do jantar de aniversário”, afiançou.

Fotografia: Banda Musical de Arouca

Dário Tomé manifestou, também, que a Banda não tem estado parada e que os músicos continuam a praticar porque isso “lhes enche a alma”.

Fotografia: Banda Musical de Arouca

Ivo Silva, maestro da Banda Musical de Arouca, há cerca de três anos, relevou, igualmente o dinamismo e dimensão que a Banda tem presentemente e ressalvou que apesar das contrariedades que têm marcado 2020, a instituição conseguirá, com o apoio de todos, ultrapassar  as adversidades e dificuldades, confirmando o seu estatuto e notoriedade que tem na região e no país.

“Muitos parabéns Banda Musical. Uma instituição é sempre constituída por pessoas, por isso esta mensagem é constituída por todos aqueles que estão empenhados  e envolvidos em melhorar e continuar o trabalho desenvolvido há 195 anos. Nos momentos mais desafiantes é quando precisamos das pessoas mais fortes e unidas, com mais vontade de vencer e prevalecer perante todas dificuldades encontradas. Peço-lhes que continuem e é um orgulho poder fazer parte desta grande família”, expressou.

Também o cantor Nuno Guerreiro, dos Ala dos Namorados, numa curta mensagem vídeo felicitou a Banda Musical de Arouca pelo seu aniversário, reconhecendo a sua excelência musical e mostrando-se expectante que 2021 será um ano diferente.

“São 195 anos de amizade, companheirismo , de muitos palcos e de muita música. Dar os parabéns à Banda Musical e espero que para o ano possamos celebrar esta data, mas de forma diferente, no palco, com muita música e amizades. Vivemos um momento difícil, mas tudo vai passar”, atestou.

Fotografia: Câmara de Arouca

Já o município de Arouca, numa mensagem vídeo, através da sua presidente, Margarida  Belém, relevou a importância da Banda no contexto regional e nacional, confirmando que esta é uma uma verdadeira escola de vida, de formação artística e cultural.

“Comemoramos esta semana o aniversário da Banda Musical de Arouca e são quase dois séculos de atividade o que me orgulha de testemunhar como presidente e arouquense, a vitalidade e dinamismo desta coletividade. A Banda Musical de Arouca é uma verdadeira escola de vida em que os mais velhos ensinam os mais novos, o sentido do todo  leva a que cada um queira dar o melhor de si para contribuir com a sua parte. Valores maiores que perduram pela vida fora daqueles que têm a honra e o privilégio de fazer parte desta casa. E é também um importantíssimo centro de formação artística e musical, em concreto, de cuja escola saíram muitos músicos que hoje são professores e profissionais em grandes orquestras e estão também em escolas de referência. A Banda Musical de Arouca é ainda a expressão viva da cultura de um povo, presente nas festividades, nas solenidades, nas cerimónias vivas e religiosas. É uma verdadeira orquestra sinfónica local, que traz até nós os sons  imaginados pelos grandes compositores da história da música e em muitos casos de compositores que escrevem propositadamente para este tipo de agrupamentos”, asseverou.

A autarca realçou, também, o facto da Banda Musical ter mantido uma relação de proximidade com a autarquia local, participando em várias atividades, concertos e em datas emblemáticas para a vida da comunidade.

“A relação da Banda com a câmara municipal sempre foi de enorme proximidade, quer  através do apoio ao movimento associativo, quer pela coorganização de eventos como os concertos icónicos de Natal e mais recentemente os Sons da Praça. Quer ainda pela presença em momentos solenes ou relevantes da vida do município. E porque a banda esteve em muitos momentos relevantes do município faz sentido ainda mais no contexto pandémico atual que o município assinale esta presença constante bem como a longevidade salutar da instituição, esperando assim que os desafios culturais impostos à atividade cultural possam rapidamente ser superados e que de novo a música se faça ouvir na nossa praça, nos emocione no cadeiral do nosso Mosteiro ou em qualquer  outro palco por esse país ou mundo fora. Aos corpos dirigentes da Banda, a todos os músicos e demais elementos, em nome de todos os arouquenses, é com emoção que felicito  pelos 195 anos de atividades”, concretizou.  


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!