Novum Canal

mobile

tablet

“Câmara de Lamego paga mais rápido a fornecedores”, refere autarquia

Partilhar por:

Fotografia: Câmara de Lamego

A Câmara de Lamego, segundo a autarquia, paga mais rápido a fornecedores, lê-se na publicação que partilhou na sua página oficial, numa reação ao Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses 2019, publicado pela Ordem dos Contabilistas Certificados e o Centro de Investigação em Contabilidade e Fiscalidade do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA).

Na sua publicação oficial, o município esclarece que diminuiu para 69 dias o prazo médio de pagamentos e diminui a dívida total do município.

“A Câmara Municipal de Lamego diminuiu para 69 dias o prazo médio de pagamentos a fornecedores, enquanto que, em 2018, demorava 167 dias a efetuar estes pagamentos, contrariamente ao divulgado por lapso no Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses 2019. No mesmo período, a dívida total do Município também recuou 4 milhões e 175 mil euros, conforme mostra um recente relatório da Direção-Geral das Autarquias Locais (DGAL)”, refere o texto da publicação que esclarece que estão a ser implementadas um conjunto de investimentos fundamentais para a qualidade de vida dos munícipes.

“A melhoria significativa da situação financeira do Município de Lamego é justificada pelo Presidente Ângelo Moura com o facto de “Lamego estar agora com contas certas e a pagar a tempo e horas”. “Cortámos despesa supérflua e estamos, ao mesmo tempo, a concretizar um conjunto muito relevante de investimentos que vão melhorar a qualidade de vida de todos os lamecenses”, acrescenta a publicação.

Fotografia: Câmara de Lamego

O chefe do executivo avisa, ainda, que, nos próximos dias, irão iniciar duas intervenções na área da reabilitação urbana e do ambiente e sustentabilidade: “o futuro Parque Urbano de Lamego, que criará a maior zona verde pública da cidade, e a conversão do antigo matadouro municipal num moderno Centro Cívico disponível para toda a comunidade”, concretiza, salientando que o investimento nestes equipamentos rondam os cerca de cinco milhões de euros de ajudarão a dinamizar o tecido económico local.


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!