Novum Canal

mobile

tablet

Filme de paredense integra Seleção Oficial do Mobile Film Festival

Partilhar por:

Fotografia: António Morais

O filme da realizadora paredense, Ana Moreira, “From Maria” é o único filme português que integra a Seleção Oficial do Mobile Film Festival, competição internacional de curtas-metragens constituída por 60 filmes.

Ao Novum Canal, Ana Moreira  reconheceu a sua satisfação pelo facto do seu filme ter sido um dos 60 selecionados para este festival, salientando que esta mostra tem um conceito diferente dos demais, sendo que os projetos a concurso têm que ser filmados com telemóvel e terem a duração de um minuto.

A realizadora destacou que a génese para desenvolver o seu trabalho teve como ponto de partida uma newsletter com promoção de alguns festivais, tendo a temática para a edição deste ano, “Women’s Empowerment”, empoderamento das mulheres, sido o ponto de partido para realizar este “From Maria”.

Fotografia: António Morais

Ao Novum Canal, a realizadora de “From Maria”, natural de Parada de Todeia, Paredes, assistente de realização e editora na Golpe Filmes, empresa produtora de cinema, televisão e também ligada ao mercado da publicidade, concretizou que, com o apoio da empresa, produziu e realizou este projeto que tem como temática quatro gerações de mulheres e aborda as dificuldades que estas sentem em vários domínios.

A jovem realizador destacou, também, que procurou, através da película, que está disponível da página “Mobile Film Festival”, abranger os problemas de género.

Falando daquilo que são os seus projetos mais próximos, Ana Moreira, licenciada em Tecnologia da Comunicação Audiovisual, pela Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo, manifestou que o seu futuro profissional passa por continuar a amadurecer conhecimentos na empresa Golpe Filmes.

Questionada sobre os impactos que a crise sanitária está a ter na área cultura e do cinema, em particular, a jovem realizadora realçou que as dificuldades têm sido crescentes,  tendo os vários atores e agentes desta área sido obrigados a fazerem várias adaptações para corresponderem àquilo que são as diretrizes e normas das autoridades de saúde.

Ana Moreira manifestou, também, que a maioria das empresas do setor são pequenas unidades, sobretudo freelancers,  que com o adensar da crise e  das medidas restritivas que têm sido implementadas viram a sua estabilidade e situação financeira agravar-se de forma significativa.

Fotografia: António Morais

A realizadora confirmou, mesmo, que há empresas que estão com sérias dificuldades, algumas já fecharam portas e outras correm o risco de o fazerem.  

Face a este cenário, Ana Moreira reconheceu a urgência de existirem apoios para a cultura, num setor que tem sido penalizado pela crise sanitária e económica.

O Mobile Film Festival tem o apoio do Centro Regional de Informação das Nações Unidas para a Europa Ocidental.


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!