Novum Canal

mobile

tablet

Publicidade

Bispos portugueses advertem para importância de se adotarem comportamentos responsáveis

Partilhar por:

Os bispos  da Conferência Episcopal Portuguesa(CEP)  alertaram, na sequência da Assembleia Plenária, que decorreu de 11 a 13 de novembro, em Fátima, para a necessidade de se adotarem comportamentos responsáveis nos mais diversos setores da sua vida e atividade e respeitarem as determinações das autoridades constituídas.

A nota publicada pelos bispos portugueses designada “Celebrar e viver a fé em tempo de pandemia”, os clérigos assumem a necessidade de todos respeitarem as determinações emitidas pelas autoridades de saúde com o objetivo de minimizar a  crise pandémica e o aumento de infetados pela Covid-19.

“Os Bispos de Portugal vivem na fé e na confiança a presente situação de pandemia, fazendo suas as dificuldades e sofrimentos dos concidadãos. Em particular, veem preocupados o alastrar da Covid-19, com riscos agravados para a vida e saúde de tantos irmãos e irmãs. Dada a gravidade da situação, apelamos a todos para que adotem comportamentos responsáveis nos mais diversos setores da sua vida e atividade e respeitem as determinações das autoridades constituídas, com o objetivo de travar e controlar a vaga de contágios”, lê-se no texto da CEP que adiante que “este comportamento responsável deve ser vivido após as celebrações litúrgicas mais festivas (Batizados, Comunhões, Crismas e Casamentos), evitando sempre as concentrações fora das igrejas e nas próprias casas”.

No comunicado final, a Assembleia Plenária dedicou parte substancial do tempo a refletir sobre “a grave situação de pandemia que o país a viver e os desafios pastorais para a Igreja”.

Esta imagem tem um texto alternativo em branco, o nome da imagem é Covid-19-Cinfaes-final-1-1024x576.jpg

A CEP “aprovou a Nota «Viver e celebrar a fé em tempo de pandemia”, divulgada durante a Assembleia, com orientações para as celebrações, respeitando as recentes decisões das autoridades governamentais e tendo presente as orientações da CEP de 8 de maio. No seguimento da reflexão aprovada em junho «Recomeçar e reconstruir – a sociedade portuguesa a reconstruir depois da pandemia Covid-19», a Assembleia aprovou na generalidade outro documento sobre a «situação de pandemia e desafios pastorais para a Igreja», que será proximamente divulgado”, lê-se no comunicado final da 199.ª Assembleia Plenária da Conferência Episcopal Portuguesa.


Partilhar por:

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!