Novum Canal

mobile

tablet

Câmara de Lousada aprova novas medidas de apoio às famílias e economia num investimento de 150 mil euros

Partilhar por:

O presidente da Câmara de Lousada, Pedro Machado, avançou, esta sexta-feira, na sua página pessoal do Facebook, que vai implementar novas medidas de apoio às famílias e à economia, num investimento de cerca de 150 mil euros com o objetivo de corresponder ao forte impacto financeiro que os vários setores estão a sentir, na sequência da crise sanitária que continua a assolar a região e o país.

O chefe do executivo lousadense esclareceu que assinou um despacho que “isenta o pagamento das taxas devidas pela ocupação do domínio público com esplanadas, reduz em 50% o valor das taxas devidas pela ocupação dos lugares de terrado na feira municipal e reduz em 50% o valor das taxas devidas pela ocupação das lojas do mercado municipal e das instalações propriedade da autarquia”.

O autarca destacou que as medidas de apoio às famílias e empresas preconizam, também, uma redução em “50% o valor das rendas ou contraprestações decorrentes do arrendamento comercial de instalações propriedade da autarquia; isenta o pagamento pela utilização dos lugares de estacionamento na via pública nas Zonas de Estacionamento de Duração Limitada, com início nas 0h00 do dia 16 de novembro de 2020; aplicar a todos os consumidores domésticos do serviço de abastecimento de água e saneamento o tarifário previsto para as “Famílias Numerosas”, com efeitos nas faturas dos meses de novembro de 2020 até março de 2021”.

O autarca informou, também, que o executivo municipal irá “aplicar a todos os utilizadores não-domésticos do serviço de abastecimento de água, saneamento e RSU o “tarifário social” previsto para os “utilizadores não-domésticos”, mediante requerimento do utilizador, com efeitos nas faturas dos meses de novembro de 2020 até março de 2021” e  “caso se trate de estabelecimentos de restauração e/ou bebidas, acresce à medida anterior a isenção do pagamento das tarifas de disponibilidade do serviço de abastecimento de água, saneamento e RSU, mediante requerimento do utilizador, com efeitos nas faturas dos meses de novembro de 2020 até março de 2021”.

Pedro Machado referiu que as medidas estarão em vigor até 31 de março do próximo ano.

O presidente da câmara municipal manifestou, ainda, que esteve reunido, esta sexta-feira, com vários empresários da restauração, tendo demonstrado toda a sua solidariedade para com os agentes e atores deste setor.  

“No município de Lousada temos vindo a fazer um trabalho de proximidade e promoção do combate à pandemia. Esta ação passa pela proteção da saúde, apoio social às famílias e também à economia com a criação de uma série de iniciativas municipais nas mais diversas áreas. Ainda hoje tive oportunidade de reunir com uma série de empresários do setor da restauração e demonstrei toda a minha solidariedade e compreensão perante o momento vivido, com a promessa que tudo faremos junto das entidades centrais para corresponder ao forte impacto financeiro que estão a sentir, juntamente com todos os outros empresários e famílias Lousadenses”, disse, salientando  que a câmara irá continuar a fazer tudo o que estiver ao seu alcance no sentido de apoiar as famílias e as empresas.

“Na gestão municipal, sentimos essas dificuldades diárias e temos que continuar a fazer tudo o que está ao nosso alcance para ajudar a nossa população. Por essa via, depois de uma série de iniciativas que levamos a cabo nos primeiros meses da pandemia, vimos agora reforçar estas medidas que, na nossa realidade municipal, significam mais um investimento a rondar os 150 000,00 €, para além do que tem vindo a ser feito junto da população local e das instituições”, expressou.


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!