Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

Diocese do Porto suspende toda a atividade presencial (missas, devoções populares, funerais e catequese)

A Diocese do Porto anunciou, no seu site online, que  irá suspender toda a atividade presencial (missas, devoções populares, funerais, catequese, etc.).

“O Decreto 8/2020, de 8 de novembro, estabelece limites à circulação dos cidadãos por motivos da pandemia. Na prática, toda a área da Diocese do Porto é afetada por esta normativa. Embora a liberdade religiosa não possa ser afetada, nós, Igreja diocesana, seremos os primeiros a contribuir, com o nosso comportamento responsável, para minimizar um problema que a todos aflige e está longe de ficar controlado”, refere a nota da Diocese do Porto que salienta que dos ministros do culto, desde que no exercício da sua função e acompanhados pelo documento que os credita para tal –no caso dos sacerdotes e diáconos, o bilhete de identidade sacerdotal/diaconal atualizado- não estão abrangidos pela proibição de circulação, mas os fiéis leigos não podem circular nos horários definidos pelo Conselho de Ministros.

“De acordo com a subalínea iv) da alínea b) do número 1 do Artº 3º, do referido Decreto, os ministros do culto, desde que no exercício da sua função e acompanhados pelo documento que os credita para tal –no caso dos sacerdotes e diáconos, o bilhete de identidade sacerdotal/diaconal atualizado- não estão abrangidos pela proibição de circulação “diariamente, no período compreendido entre as 23:00 h e as 05:00 h, bem como aos sábados e aos domingos no período compreendido entre as 13:00 h e as 05:00 h”. Entretanto, de forma geral, os fiéis leigos não podem circular nesses horários”, lê-se na respetiva nota.

A Diocese do Porto determina, também, que a catequese prevista para os horários fixados pelo Governo, para os concelhos tidos como de risco elevado, se desenvolva com a normalidade possível, por meios digitais, recomendando que se tenha em atenção “os horários das celebrações para que as pessoas possam regressar às suas moradas sem infligir o dever de recolhimento obrigatório”

“A título excecional, e desde que haja absoluta necessidade, concede-se que as habituais Missas vespertinas para o cumprimento do preceito dominical possam ser antecipadas para a manhã de sábado”, refere ainda o Bispo do Porto.