Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

Paços de Ferreira: EMA já está a contactar pessoas sinalizadas no âmbito da Covid-19

Fotografia: Câmara de Paços de Ferreira

A Equipa Multidisciplinar de Acompanhamento de Paços de Ferreira (EMA), criada na quinta-feira, que integra um conjunto de funcionários da autarquia, já está a contactar, via telefone, as pessoas sinalizadas no âmbito da crise sanitária, esclarecendo como deve proceder quem está infetado, ou em isolamento e prestando ajuda ao nível de informação, assistência psicológica ou social.

Segundo a autarquia pacense, o sistema informático de apoio à Equipa Multidisciplinar de Acompanhamento de Paços de Ferreira (EMA) é “um sistema inovador e único no país, estando disponível numa plataforma informática online que permite o acesso, a um conjunto de entidades, podendo parametrizar-se o grau de acesso de cada utilizador. O software tem também a possibilidade de enviar mensagens de voz e escritas, automáticas, de acordo com a informação que se pretender realizar”.

O município esclareceu que este sistema pretende fazer face ao “crescimento exponencial de novos casos e à “consequente incapacidade das autoridades de saúde em contactarem, em tempo útil, com todas as pessoas que estão em situação de isolamento profilático, ou são contactos de alto risco”, permitindo a aplicação poupar tempo, acelerando os contatos junto dos cidadãos, atendendo ao facto de muita informação poder ser enviada de forma automática.

“O envio de várias mensagens de voz, de forma automática e parametrizada de acordo com a situação específica do cidadão, permitirá que este tome conhecimento de que a sua situação está a ser seguida. As mensagens serão enviadas através do 962 171 777 (este número não está apto a receber telefonemas ou sms’s)”, refere a autarquia que esclarece que o “sistema permitirá a interligação entre diferentes entidades, nomeadamente a Equipa Multidisciplinar de Acompanhamento, o ACeS e a Unidade de Saúde Pública, trabalhando todos sob a mesma base de dados, não havendo, por isso, possibilidade de duplicar as tarefas”.

Fotografia: Câmara de Paços de Ferreira

O município esclareceu que até ao final desta semana estará também disponível um “sistema para que todas as pessoas que se encontrem em casa com a doença possam aceder à sua ficha, inserir informação relevante, como por exemplo os contactos de alto risco, os sintomas, o que precisa (baixa, atestado, etc.), tendo inclusive gestão documental, ou seja, para esses cidadãos será enviada a documentação diretamente via plataforma”.

“Apesar de a Câmara Municipal não ter competências próprias na área da saúde, a grave situação pandémica que atravessamos exige, de todos, o máximo empenho e total disponibilidade. E assim continuaremos até ao final desta pandemia”, referiu a câmara municipal.