Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

Arouca: Maior ponte pedonal suspensa do mundo praticamente concluída. Faltam realizar ensaios finais.

Fotografia: Passadiços do Paiva .PT

A ponte pedonal suspensa de Arouca, considerada como a maior ponte pedonal, ainda não tem uma data definida para abrir, mas está praticamente concluída, faltando realizar os ensaios finais.

Ao Novum Canal, a presidente da Câmara de Arouca, Margarida Belém, realçou que a atual crise sanitária que continua a afetar a região e o país ainda não permitiram concluir os trabalhos e fixar uma data para a abertura desta infraestrutura.

“A data de abertura ainda não está definida, sendo de momento, e em virtude da atual situação de pandemia e de todas as condicionantes que daí resultam, apontar-se uma data para o efeito. A obra está praticamente concluída. Falta realizar os ensaios finais, que a pandemia e as condições meteorológicas não têm permitido que se realizem”, disse a autarca, que reconheceu que “como em qualquer área, a Covid-19 teve impacto no normal andamento da obra”.

Falando da extensão do trajeto da ponte pedonal, a autarca declarou que esta tem 516 metros, sendo o seu investimento de cerca de dois milhões de euros, financiado parcialmente pelo programa PROVERE, do FEDER (Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional) – Norte 2020.

Fotografia: Passadiços do Paiva .PT

Questionada sobre os impactos económicos que a abertura desta estrutura terá no concelho e até nos municípios vizinhos, a chefe do executivo esclareceu que a obra foi “realizada para melhorar a qualidade de vida da população local, na esperança de reter a população e atrair novos moradores”.

“Este projeto foi realizado para melhorar a qualidade de vida da população local, na esperança de reter a população e atrair novos moradores, criando novas oportunidades de emprego por se tratar de um território de baixa densidade. Conforme aconteceu com os Passadiços, estamos certos que esta infraestrutura irá reforçar ainda mais a atratividade turística do território”, expressou, salientando que não é possível adiantar qual o número de visitantes que se espera possam afluir a Arouca com a construção da nova estrutura.

“Não é possível adiantar um número exato. A nossa preocupação é que quem possa visitar a ponte 516 Arouca possa ter uma experiência única, com qualidade”, acrescentou.