Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

Cinfães: Autarca adverte para aparecimento de novos casos e pede à comunidade para cumprir com medidas de prevenção e segurança

Fotografia: Câmara de Cinfães

O Presidente da Câmara de Cinfães, Armando Mourisco, advertiu, esta quarta-feira, numa mensagem em vídeo que a autarquia publicou e partilhou na página oficial da autarquia cinfanense, para a continuidade de aparecimento de novos casos nas próximas semanas, tendo em conta o aumento exponencial de casos positivos que se têm registado nas últimas semanas.

“Vivemos como todos sabemos tempos difíceis e uma pandemia que teima em não acabar. Em cada esquina espreita o período de contágio para cada um de nós. Aqui em Cinfães a pandemia mostra uma evolução preocupante que quero partilhar convosco. Temos o aparecimento de novos casos de forma exponencial com aumento sucessivo nas últimas três semanas. São já o total de aproximadamente 400 casos e à data mais de 200 casos positivos ativos e cerca de 600 casos em vigilância. Significa isto que existe uma probabilidade da continuidade de aparecimento de novos casos nas próximas semanas, um elevado risco de qualquer um de nós poder ser infetado. Ao elevado risco do número de infetados, elevado risco de transmissão, acresce a enorme preocupação com os dados de internamento nas unidades de saúde, nomeadamente no Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa em Penafiel, com mais de 150 internados, à data”, disse, salientando que a evolução exponencial de infeções por Covid-19 é uma realidade que pode atingir qualquer munícipe.

“Isto pode atingir cada um de nós e cada um do nossos. Realizada a análise das cadeias de transmissão verifica-se que não todos, mas a maioria dos casos tem transmissão em ambiente familiar e de amigos. Bem sei e bem sabemos o esforço que todos temos feito. Nós que somos um povo de amizades e afetos e que infelizmente há tantos meses estamos privados dos mesmos. Agradeço pois e reconheço a todos o esforço realizado e a serenidade demonstrada. Conforme os dados existentes alerta-se para o risco elevado da continuidade da transmissão da doença para qualquer cidadão e consequências daí resultantes para a saúde assim como a necessidade urgente de serem adotadas e reforçadas todas as medidas de prevenção e proteção individuais e coletivas”, expressou.

Na sua comunicação, o chefe do executivo endereçou uma mensagem  de esperança e conforto aos mais idosos e aos mais vulneráveis.

Fotografia: Câmara de Cinfães

“Naturalmente preocupa-me todos e cada um dos nossos cidadãos, mas tenho uma preocupação acrescida, particular com os mais frágeis, com os portadores de doença e com os nossos velhinhos. Queremos tê-los por cá por muito  mais tempo entre nós, queremos continuar a usufruir do sorriso dos seus olhares, da sua amizade, simpatia, do seu amor. Queremos continuar a partilhar as suas histórias e os seus saberes. Colocarei para isso todo o meu empenho e toda a minha dedicação e juntos tudo faremos para que isso aconteça. Por isso, me dirijo a vós, apoiado pelo afeto, pela amizade, no respeito e na relação de confiança que sempre partilhamos, nos une, para vos pedir um esforço e sacrifício acrescidos”, frisou, reiterando a ideia de que não será possível quebrar a transmissão da doença sem o contributo de cada um.

“Reconheço bem as dificuldades, a necessidade de manter a vida diária, de ganhar o pão de cada  dia, de frequentar a escola. Todos sabemos que temos de continuar a fazê-lo, não há outra forma. Façamo-lo, pois, com esforço acrescido no cumprimento das medidas de proteção e prevenção. Elas são eficazes. Evitemos pelo menos, por agora, os ajuntamentos familiares, os ajuntamentos de amigos, usemos as máscaras em todos os locais, façamos um esforço do distanciamento social de lavagem e desinfeção das mãos. Só assim quebraremos a transmissão da maldita doença. Aos que  estão doentes com Covid ou outras situações desejo uma completa e rápida recuperação. Aos que estão no sacrifício do isolamento profilático remeto a minha solidariedade a todos, sem exceção, remeto os votos de muita saúde e alegria de viver. Da minha parte e de todos aqueles que me acompanham nesta missão deixo a inteira e absoluta disponibilidade para ao vosso lado construirmos uma vida melhor. Conto convosco, com o vosso esforço para juntos pararmos esta maldita doença”, acrescentou, apelando aos cinfanenses para que continuem a cumprir e reforcem as medidas de prevenção e de proteção individuais e coletivas.

.