Novum Canal

mobile

tablet

Hóquei em Patins: União Sport Clube de Paredes perde em Coimbra com queixas da dupla de arbitragem

Partilhar por:

O União Sport Clube de Paredes perdeu, ao final  da tarde, com a AA Coimbra (6-5) em encontro a contar para a jornada quatro, da 2.ª Divisão Nacional, Zona Norte, em partida disputada no Pavilhão do Estádio Universitário de Coimbra.

A académica abriu o marcador  ao minuto 20:46 por intermédio de Gonçalo Oliveira.

Apesar do golo da formação da casa, o Paredes não se descompôs e Márcio Fonseca, ao 14:04, fez o golo do empate após assistência de Ricardo Magalhães.

A Académica de Coimbra voltou a adiantar-se no marcador, ao 11:22, por Diogo Graça,  que fez o 2-1. O mesmo jogador, aos 9:27, fez o 3-1 através da marcação de um penálti.

Em desvantagem, a formação orientada por Diogo Pereira, nunca deu o jogo por perdido, reduziu aos 7:52 (3-2) por Márcio Fonseca, após assistência de Gonçalo Figueiredo, e empatou aos 6:05 (3-3) por José Ferreira após assistência de Gonçalo Figueiredo.

A Académica a 2:17 do final da primeira metade fez o  4-3 por José Flores.

Já na segunda metade, aos 21:28, a formação visitante fez o empate (4-4) por Gonçalo Figueiredo, após assistência de João Vaz.

Aos 15:02, Alexandre Santos colocou novamente a Académica de Coimbra na frente do marcador, mas o Paredes aos 5:56 voltou a empatar a partida com um golo de André Ferreira após assistência de José Ferreira.

Quando faltavam 3:21 para o final do encontro, Diogo Graça, de livre direto fixou o resultado final em 6-5 para a equipa da casa.

Na análise ao encontro, o treinador da formação paredense, Diogo Pereira, não poupou críticas à dupla de arbitragem que esteve no Pavilhão do Estádio Universitário de Coimbra, salientando que a sua equipa  foi durante 50 minutos condicionada pela dupla de juízes.

“Nem a Académica de Coimbra, nem o União Sport Clube de Paredes mereciam esta equipa de arbitragem”, disse, salientando que na pista estiveram duas boas equipas, que protagonizaram um jogo bem disputado.

“Como já tinha avançado, sabíamos que a Académica de Coimbra tinha uma excelente equipa, entramos a perder, conseguimos reduzir, mas foram assinaladas 21 faltas e tivemos várias advertências verbais. Não me costumo agarrar às arbitragens, mas durante 50 minutos fomos condicionados”, disse, falando em falta de respeito.

“Trabalhamos bem durante a semana, mas com esta dupla dificilmente ganharíamos este encontro”, reiterou, sustentando que apesar destas incidências  sua equipa esteve bem e fez uma partida conseguida, tendo lutado até ao final pelo melhor resultado.

Também André Ferreira, atleta do União Sport Clube de Paredes  – Hóquei em Patins, na análise à partida, realçou que este foi um encontro bem disputado, com duas boas equipas em pista, mas que acabou por ficar marcado pelas decisões da dupla de árbitros escolhida para este jogo.

“A Academia tem um bom conjunto, sabíamos das dificuldades que íamos encontrar, mas em muitos momentos estivemos por cima, mas sempre que nos tentávamos aproximar, a dupla de árbitros marcava ou um penálti ou livre direto”, afirmou, sustentando que apesar da derrota a equipa vai continuar a trabalhar durante a semana para obter Já no próximo fim de semana o melhor resultado frente ao Juventude Pacense.

Com este resultado, o Paredes é sexto classificado, com seis pontos e está a seis do líder SC Marinhense.

Nos restantes jogos da quarta jornada,  o HC Mealhada recebeu o líder  SC Marinhense e perdeu  por (4-8), o CH Carvalhos bateu, em casa, o HA Cambra por 6-5, a formação do Escola Livre Azeméis empatou (4-4) com o Clube Académico da  Feira e o Juventude Pacense/C Infante Sagres foi adiado.

O FC Porto “B”/ Valença HC realiza-se este domingo e CD Póvoa com a Associação Académica Espinho foi adiado para 1 de dezembro, às 18:30.

Quanto ao Juventude Pacense, a Federação Portuguesa de Patinagem colocou no site da instituição uma nota esclarecendo que dado as medidas especiais anunciadas na quarta-feira pelo Governo para os concelhos de Paços de Ferreira, Lousada e Felgueiras, decidiu proceder ao adiamento dos jogos da formação de Paços de Ferreira.  

“Face à resolução do Conselho de Ministros, que aprovou medidas especiais para os concelhos de Paços Ferreira, Lousada e Felgueiras, a Federação de Patinagem de Portugal, perante as acrescidas dificuldades com que estes três concelhos e os seus clubes se confrontam, e considerando que na FPP só está inscrito um clube destes concelhos, decidiu esta Federação: adiar todos os jogos deste fim de semana que envolvem a Juventude Pacense. Deixamos votos para que as severas restrições que as populações destes concelhos enfrentam sejam rapidamente ultrapassadas”, lê-se no comunicado que publicou no site.


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!