Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

Presidente da Câmara do Marco de Canaveses adverte para o aumento significativo de casos por Covid-19 e exorta cidadãos a cumprirem medidas

A presidente do Marco de Canaveses, Cristina Vieira, reconheceu ter-se registado um aumento significativo do número de casos, nas últimas semanas, tendo advertido os munícipes para cumprirem com as medidas definidas pelas autoridades de saúde.

Numa curta mensagem vídeo que se encontra publicada na página oficial da autarquia, a chefe do executivo defendeu a necessidade de controlar  a pandemia e o aumento do número de contágios, sob pena das infeções por Covid-19 afetarem a capacidade de resposta dos serviços de saúde.

“As autoridades responsáveis por acompanhar a atividade epidemiológica no concelho constatam ter havido um aumento muito significativo dos casos no município. Apesar de atualmente hoje já serem bem conhecidos os cuidados a ter para prevenir novas infeções e de estarem também disponíveis os equipamentos de proteção individual para toda a população, verifica-se que o número de casos, que estão a aumentar agora, é superior ao que se registou no início da pandemia em março deste ano. Se por um lado, esta evolução poderá estar relacionada com o desconfinamento, também  é certo que estamos todos mais esclarecidos para nos preparamos e acautelarmo-nos e assim reduzir o número de infeções e o ritmo a que se registam”, disse.

Cristina Vieira realçou que o município marcuense mantém ativo o Plano Municipal de Emergência, reiterando que é absolutamente imprescindível que cada um de nós, faça a sua parte para se  proteger a si e aos outros.

“Sabemos pelos exemplos que nos chegaram perante a primeira vaga, nomeadamente de países como a Espanha ou a Itália, dos efeitos devastadores desta pandemia. Se não for controlada pode ter influência na capacidade de resposta dos nossos serviços de saúde. Por isso, tão importante como a estratégia nacional seguida pelo Serviço Nacional de Saúde, para se preparar  para o novo aumento de casos, é absolutamente imprescindível que cada um de nós, faça a sua parte para se proteger a si e aos outros, salvaguardando a saúde de todos e ao mesmo tempo a capacidade das unidades de saúde de responder adequadamente aos casos de Covid-19, mas também a todas as outras necessidades de cuidados de saúde da nossa população. Face à evolução preocupante que se tem verificado  no país, o Marco de Canaveses mantém ativo o Plano Municipal de Emergência. Também o Governo de Portugal decretou a situação de calamidade em todo o território nacional, estando em vigor a partir das 24h00 do dia 14 de outubro e tendo sido decretadas medidas excecionais que, para bem de todos, devemos cumprir rigorosamente. Tenho a certeza que o Marco de Canaveses e os marcuenses saberão cumprir a sua parte e dar um exemplo de responsabilidade. Contamos com todos”, afiançou.