Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

«Nutricionista, o profissional que menos erra a falar de nutrição», Artigo de Opinião.

«Vivemos numa era em que existe muita informação e que o seu acesso é relativamente fácil, contudo, muita dessa informação é falsa e vinculada por falsos especialistas e a nutrição e alimentação é uma área onde este paradigma se verifica.

Das poucas certezas que podemos ter na vida, há uma que ninguém pode negar, todos precisamos de nos alimentar e talvez por isso, muita gente não qualificada acha que percebe de nutrição. Quem nunca viu nas redes sociais aqueles anúncios de “Quer perder 5, 10 ou 20 kg? Mande mensagem privada”? Ou alguns influenciadores a darem opiniões sobre esta ou aquela dieta sem perceberem minimamente o que estão a dizer? Pois bem, o profissional qualificado para abordar os temas da alimentação e nutrição é o nutricionista.

Desengane-se quem pensa que o nutricionista só “tira à boca às pessoas” ou que só serve para emagrecer. A atividade do nutricionista vai muito, mas muito além disso. Pode trabalhar na industria alimentar, ajudando no desenvolvimento de novos produtos, no âmbito da nutrição desportiva, em que procura ajustar a alimentação às necessidades dos atletas, na restauração coletiva, onde gere e coordena uma equipa de profissionais com o objetivo de confecionar refeições, na saúde pública, onde procura conceber a politicas alimentares de acordo com as necessidades entre outras que não menciono aqui pois ocuparia mais de metade do texto. Não será demais dizer que o nutricionista estuda 4 anos no curso de dietética, dietética e nutrição ou ciências da nutrição e ainda tem de realizar um estágio profissional de acesso à Ordem dos Nutricionistas durante 6 meses e ser aprovado numa prova de ética e deontologia e na prova do estágio.  

Infelizmente, muitas entidades deveriam ter um nutricionista e não têm, o que leva a que pessoas das mais diversas faixas etárias (desde bebés a idosos) possam vir a sofrer complicações de saúde que podiam ser evitadas. Lembrem-se que o que comemos molda o nosso organismo e o que o molda, molda a nossa saúde.

Não acreditem em tudo o que alguém com 100 mil seguidores diz sobre alimentação se não for nutricionista. Se temos um problema no carro levamos o carro ao mecânico, se estivermos doentes vamos ao médico, se precisamos de ajuda com os treinos, vamos a um personal trainer e se precisarmos de ajuda ao nível alimentar vamos ao nutricionista.

Há maus nutricionistas? Há seguramente. Há bons nutricionistas? Claro que sim mas o nutricionista não é imune ao erro, como nenhuma outra profissão é, mas é o profissional que tem a legitimidade de errar na área da alimentação, pois nenhuma outra profissão percebe tanto de nutrição como o nutricionista e dependendo do erro, tem uma Ordem que o responsabiliza por ele.»

Luís Soares da Costa

Nutricionista Membro Efetivo da Ordem dos Nutricionistas 2974N

Pós-graduado em Nutrição Clínica pela Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto

Mestrando em Nutrição Clínica na Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto

Formador Certificado de Competências Pedagógicas-nºF632431/2015

Membro da Comissão de Jovens Nutricionistas da Ordem dos Nutricionistas