Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

Covid-19: Cinfães regista 80 casos positivos

O município de Cinfães contabiliza 80 casos positivos por Covid-19.

Segundo a autarquia, os últimos dados que a Autoridade de Saúde Local forneceu à câmara municipal davam conta da existência de cerca de 80 casos positivos.

Refira-se que na segunda-feira, dia 12, de acordo com a comissão municipal de proteção civil, existiam 66 casos ativos, dois internados em meio hospitalar e os restantes em recuperação no domicilio, sendo que existiam quatro turmas em isolamento profilático, por decisão da autoridade de saúde.

Sobre as escolas, a mesma entidade avançava não existir qualquer surto.

O Novum Canal questionou, esta quinta-feira, o executivo municipal sobre a eventual existência de um novo surto que teria sido provocado por um casamento, conforme chegou a ser noticiado.

Sobre este assunto, a autarquia avançou que de acordo com a autoridade de saúde local não é possível estabelecer uma relação de causa e efeito entre a realização do casamento e o número de infetados no território.

“De acordo com a Autoridade de Saúde Local, neste momento, não é possível estabelecer uma causa efeito relativamente ao casamento (do qual desconhecemos o número de pessoas presentes) e o número de pessoas infetadas no concelho”, informou o município.

Ainda no âmbito da saúde, inquirimos o município se vai comparticipar a toma da vacina da gripe nas farmácias,  um pouco à semelhança do que está a acontecer com outras autarquias, tendo-nos sido comunicado que “a administração da vacinação será da responsabilidade do Centro de Saúde de Cinfães”.

“A Câmara vai colaborar com a colocação de tendas nas várias freguesias do concelho para o efeito, evitando deslocações das pessoas ao Centro de Saúde”, referiu a autarquia.

Recorde-se que município de Cinfães tem-se desdobrado em chamadas de atenção à comunidade, apelando ao cumprimento das orientações da Direção Geral de Saúde, à necessidade dos munícipes cumprirem a higienização das mãos,  manterem o distanciamento social e não partilharem objetos, assim como usarem a máscara.

“Apela-se ao cumprimento da lei, à não realização de ajuntamentos, a fim de evitar a propagação da doença, apela-se ao sentido de responsabilidade individual, cabendo a cada um o cumprimento das regras necessárias. Todos sabemos que a qualquer momento e em qualquer lugar pode-se iniciar novas fontes de contágio, sejamos, pois, todos agentes da saúde pública e cumpramos todas as normas e medidas preventivas. O combate a esta pandemia depende do contributo de todos nós”, tem advertido o município nos vários comunicados veiculados através quer no seu site, quer na sua página do facebook.