Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

União Sport Clube de Paredes perde com o Clube Hóquei dos Carvalhos pela margem mínima

O União Sport Clube de Paredes perdeu, esta sexta-feira, com o Clube Hóquei dos Carvalhos (4-3) em jogo a contar para a jornada dois, do campeonato nacional, zona norte, de hóquei em patins.

O primeiro golo do encontro foi para a formação da casa, aos 19:14 , através da marcação de um penálti, convertido por José Santos. Poucos segundos depois, a formação do Paredes sofreu novo golo, marcado por José Almeida.

Ao minuto 10:58, o Paredes reduziu para 2-1, por Filipe Vaz. Na segunda metade, ao minuto 13:40,  Márcio Fonseca repôs a igualdade de livre direto, e aos 12:36, o mesmo Márcio Fonseca bisou no encontro, colocando o Paredes na frente do marcador (2-3).

O Carvalhos, aos 10:20 da segunda metade, por intermédio de Xavier Pinho empatou e aos 4:27, José Almeida, que já tinha marcado nos primeiros 25 minutos, fixou o resultado final em 4-3.

O técnico do União Sport Clube de Paredes, Hóquei em Patins, Diogo Pereira, numa análise ao jogo, admitiu que a sua equipa pelo que fez, sobretudo nos segundos 25 minutos  do encontro, merecia ter saído do Pavilhão do Clube Hóquei dos Carvalhos com outro resultado.

Ao Novum Canal, o técnico da formação paredense reconheceu que a sua equipa iniciou o encontro a perder, tendo sofrido dois golos, o primeiro de penálti, conseguiu anular o ataque organizado da formação da casa, mas teve que correr atrás do resultado.

Na segunda metade, Diogo Pereira manifestou que o Paredes conseguiu transformar o resultado negativo num resultado positivo (2-3), mas a formação dos Carvalhos empatou a partida.

Mesmo após o empate,  o técnico do União confirmou que a sua equipa teve inúmeras ocasiões para vencer a partida, mas a qualidade do guarda-redes do Carvalhos e um lance de bola parada ditaram a vitória da formação da casa.

“Na segunda  metade estivemos em cima do jogo, tivemos inúmeras oportunidades para marcar, mas não conseguimos concretizar. De qualquer forma estou satisfeito com a forma como a minha equipa se empenhou, trabalhou durante este jogo, teve uma prestação  digna e merecia ter construído outro resultado”, expressou.

André Ferreira, atleta do União Sport Clube de Paredes, admitiu que a sua equipa nos primeiros dez 10 minutos teve que se adaptar, corrigiu, entrou depois no jogo e apesar de ir para o intervalo a perder por 2-1, na segunda metade, conseguiu inverter o resultado e dispôs de várias oportunidades para construir outro desfecho.

“Na segunda metade fomos claramente superiores e foram os pormenores que ditaram o resultado final. Apesar das várias oportunidades que tivemos para marcar, o jogo acabou por cair para os Carvalhos”, acrescentou, sublinhando que apesar da derrota a equipa continua motivada até porque na segunda divisão, zona Norte, precisou, não existem jogos fáceis.

“Esta é uma prova bastante competitiva e sabemos que não há jogos fáceis. Vamos continuar a fazer o nosso trabalho, continuar com a mesma entrega e determinação”, expressou.