Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

Câmara de Lousada promove uso da bicicleta no primeiro ciclo e sensibiliza alunos para importância deste meio de transporte

Fotografia: Câmara de Lousada

A Câmara de Lousada reiniciou a atividade “2 Rodas em Ação”, iniciativa integrada no projeto “Escola a Pedalar”, programa educativo, não formal, que procura levar o ensino do pedalar a todos os alunos do 1.º ciclo do ensino sásico das escolas do município.

Ao Novum Canal, o vereador do Desporto da Câmara de Lousada, António Augusto, realçou que o Escola a Pedalar tem como objetivo promover a atividade física nas crianças, promovendo a aquisição de uma competência básica que é “andar de bicicleta”, enquanto garante do desenvolvimento de valores como o respeito pelo outro e entreajuda.

“Este projeto, bem como outro similar em contexto não escolar que é o “2 Rodas em Ação” que ocorre aos sábados no Complexo Desportivo, destina-se a promover a atividade física nas crianças, promovendo a aquisição de uma competência básica que é “andar de bicicleta”. Resulta de um estudo que fizemos onde constatamos que a maior parte dos alunos do 1º ciclo ainda não tinham adquirido esta competência e que isto teria consequências a médio e longo prazo no seu desenvolvimento físico e motor, bem como no seu lazer e mesmo na sua mobilidade que se pretende que seja cada vez mais sustentável”, disse, salientando que o projeto integra cerca de 1600 alunos.

“Todos os alunos do 1º ciclo, do 1º ao 4º ano de escolaridade (cerca de 1600) de todas as escolas do concelho. A atividade é semestral. No primeiro semestre até fevereiro é dedicada aos alunos do 1º ano e no 2º semestre aos alunos do 3º e 4º ano”, frisou, sustentando que o principal objetivo da autarquia passa por transmitir às crianças conhecimentos  como aprenderem a andar de bicicleta, adquirirem regras de segurança rodoviária, noções de mecânica e possam adotar a bicicleta, no futuro, como um meio de mobilidade sustentável.

“Se surgir alguma Associação desportiva que explore este trabalho numa vertente competitiva será bem recebida”, disse, depois de questionado se é expectável que possa surgir a partir deste projeto uma escola de formação ou até mesmo algo mais sério que além da vertente formativa aposte na competição, um pouco à semelhança do que tem acontecido noutros concelhos.

A “Escola a Pedalar” assenta no princípio de que “a inclusão da bicicleta no currículo escolar é uma estratégia de combate ao insucesso escolar e consequente abandono. A prática de atividade física contribui para o desenvolvimento do sentido de responsabilidade nas crianças, das suas relações sociais e de valores como o empenho, respeito pelo outro e entreajuda”.

O projeto, integra o horário de Atividade Física e Desportiva das Atividades de Enriquecimento Curricular, tem, também como objetivos “promover estilos de vida saudáveis, em que a inclusão da mobilidade ecológica procura sensibilizar para a educação ambiental e envolver pais e filhos em modos de transporte ativos e hábitos sustentáveis”.

Segundo a autarquia, a  “atividade abrange áreas como a segurança rodoviária, a mecânica e o ensino do pedalar, contribuindo para o sucesso escolar e a formação cívica e desportiva das crianças” que acrescenta que esta atividade vai ser complementada com ações aos sábados de manhã – 2 Rodas em Ação – no Complexo Desportivo de Lousada.

“Estão agendadas atividades para dia 25 de janeiro e nos sábados do mês de fevereiro, dias 1, 8, 22 e 29. Estão, entretanto, programas outras ações que vão decorrer ao longo do ano letivo. Esta é uma atividade que se insere no Plano Integrado e Inovação de Combate ao Insucesso Escolar, da Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa, financiado pelo Norte 2020, com a colaboração dos Agrupamentos de Escolas do Concelho”.