Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

Valongo: Programa Asa decisivo para atribuição do selo “Comunidades Pró-Envelhecimento 2020/2021”

Fotografia: Câmara de Valongo

O programa “Asa – Acreditamos  Seniores Ativos” foi um dos programas que terá sido decisivo, segundo a autarquia  de Valongo, para a atribuição do selo “Comunidades Pró-Envelhecimento 2020/2021”, da Ordem dos Psicólogos Portugueses que visa distinguir políticas, programas, planos estratégicos e práticas demonstram um compromisso efetivo com a promoção do envelhecimento saudável.

Segundo a autarquia valonguense, o selo “Comunidades Pró-Envelhecimento 2020/2021”,  tem como objetivos “reforçar a necessidade de se perspetivar as comunidades como contextos de vida de excelência para a promoção do envelhecimento saudável e bem-sucedido, com o objetivo último de construirmos uma sociedade coesa, equitativa, inclusiva, saudável e segura, que promova o bem-estar e a contribuição cívica de todos os cidadãos, durante todos os momentos do ciclo de vida”.

O galardão premeia as comunidades “ em que apesar das dificuldades e dos problemas, trabalha-se de forma sistémica de modo a que o envelhecimento dos cidadãos seja feito com mais bem-estar e saúde”.

Refira-se que o programa “Asa – Acreditamos  Seniores Ativos”, de acesso gratuito, é dirigido a pessoas com idade igual ou superior a 62 anos, residentes no concelho de Valongo e tem como metas “diversificar as atividades desenvolvidas com a população sénior, desenvolver novas técnicas de aprendizagem e chamar a atenção para a preservação do património azulejar português”

 A “Academia Sénior”, o “Vamos ao Baile” e a “Colónia Balnear” são alguns dos projetos Asa. O projeto tem, também, como objetivo “melhorar e preservar a saúde e a qualidade de vida da população sénior. Pretende-se diminuir o sentimento de solidão e isolamento, aumentar os níveis de autoestima e desenvolver o sentido de cidadania ativa, através da dinamização de atividades de aprendizagem ao longo da vida e ocupação dos tempos livres”.