Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

Governo mantém proibição de realização de festivais e espetáculos de natureza idêntica até ao fim do ano

O Governo mantém a proibição da realização de festivais e espetáculos de natureza idêntica até ao fim do ano.

Esta quinta-feira, após a realização do Conselho de Ministros, e já na habitual  conferência de imprensa, o Governo confirmou que a  prorrogação da proibição de realização ao vivo em recintos cobertos ou ao ar livre de festivais e espetáculos de natureza análoga.

O ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, Pedro Siza Vieira, esclareceu que os efeitos da lei e do diploma que tinha suspenso a realização de festivais são prorrogados até ao final deste ano.

“Isto significa que mantendo-se este regime, por princípio, aquilo que se costuma denominar festivais de música continuam proibidos. É possível realizar eventos nas condições que sejam definidas  em diálogo com as autoridades de saúde e com as forças de segurança. Todos os eventos desta natureza que tenham de ser cancelados em virtude da prorrogação desta lei beneficiam do regime que está em vigor que obriga os organizadores dos festivais a permitirem aos eventuais titulares de bilhetes a poderem utilizá-los numa próxima ocasião ou terem um crédito para utilizar no futuro”, disse.

Questionada sobre a alteração à lotação das salas de espetáculos, Mariana Vieira da Silva, ministra de Estado e da Presidência,  referiu que não está prevista nem foi aprovada nenhuma alteração à lotação das salas de espetáculos.

Já quanto à realização de testes rápidos, a ministra esclareceu que estão a ser avaliadas as variadas soluções de testes rápidos e está, neste momento, nessa esfera, de decisão técnica, do Ministério da Saúde, a possibilidade de utilização.

“Portanto, remeteria para a conferência de imprensa do Ministério da Saúde de amanhã (sexta-feira) o esclarecimento relativamente a esse tema”, vincou.