Novum Canal

mobile

tablet

Lousada: Homens suspeitos por violência doméstica ficam com pulseiras eletrónicas
Fotografia: Foto ilustrativa

Três detidos por violência doméstica nos concelhos de Marco de Canaveses, Amarante e Felgueiras

Partilhar por:

Três homens, de 32, 42 e 46 anos detidos pela GNR por violência doméstica, nos concelhos de Marco de Canaveses, Amarante e Felgueiras.

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Penafiel, nos dias 21 e 22 de setembro, deteve três homens, de 32, 42 e 46, por violência doméstica, nos concelhos de Marco de Canaveses, Amarante e Felgueiras.

No âmbito de uma denúncia por violência doméstica no concelho de Marco de Canaveses, os militares da Guarda apuraram que o suspeito, de 46 anos, exercia violência física e psicológica contra a vítima, sua companheira, de 44 anos, perseguindo-a e ameaçando-a de morte. Por se tratar de uma situação de elevado risco, o suspeito, com antecedentes criminais, foi detido no dia 21 de setembro.

No segundo caso, também no dia 21 de setembro, no concelho de Amarante, o homem de 42 anos, caracterizado como sendo uma pessoa consumidora de substâncias psicotrópicas, foi detido por exigir todo o dinheiro que servia para fazer face às despesas e gestão do agregado familiar, para satisfação desse vício, recorrendo à coação física e a ameaças de morte através da colocação de facas no pescoço da vítima, sua companheira de 37 anos.

Imagem ilustrativa

No terceiro caso, no concelho de Felgueiras, no dia 22 de setembro, o suspeito de 32 anos foi detido por agredir fisicamente a vítima, sua namorada, de 35 anos, movido por ciúmes.  

Os detidos de 42 e 46 anos foram presentes no Tribunal Judicial de Penafiel, onde, ao detido de 46 anos, foram aplicadas as medidas de coação de afastamento da residência e proibição de contactos com a vítima por qualquer forma ou meio, controlado por pulseira eletrónica, e, ao detido de 42 anos, afastamento da residência, proibição de contactos por qualquer forma ou meio com a ofendida e filhos, controlado por pulseira eletrónica, bem como apresentações semanais no posto policial da sua área de residência. O detido de 32 anos foi presente no Tribunal Judicial de Penafiel, no dia 22 de setembro, onde lhe foram aplicadas as medidas de coação de afastamento da residência, proibição de contactos por qualquer forma ou meio com a vítima.


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!