Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

Silva & Vinha A.D.R.A.P Sentir Penafiel conquista primeiro lugar nos masters 60 e obtém terceiro lugar na formação

Fotografia: Silva & Vinha A.D.R.A.P Sentir Penafiel

O atleta da Silva & Vinha A.D.R.A.P Sentir Penafiel, Joaquim Pinto, arrecadou  o primeiro lugar em masters 60, no contrarrelógio de estrada, competição  que decorreu em Castelo de Vide, Portalegre.

Ao Novum Canal, o diretor da Silva & vinha A.D.R.A.P Sentir Penafiel Joaquim Carlos, realçou a prestação  do atleta que conquistou assim o seu terceiro título nacional.

Fotografia: Silva & Vinha A.D.R.A.P Sentir Penafiel

“ Os ciclistas masters mostraram ser uns grandes guerreiros toda o seu trabalho tem sido reconhecido, os resultados alcançados sendo de realçar o master 60 que em 2020 alcançou três títulos de campeão nacional”, disse, enfatizando, também, o sexto lugar de Joaquim Fernandes, com o tempo de 00:24:52.

Em masters 30, na distância de 17,7 km, Marco Neves, foi nono, com o tempo de 00:27:24.

Joaquim Carlos relevou, também, a prestação de Tiago Nunes, que foi medalha de bronze nos Campeonatos Nacionais de C/R.

O diretor da formação penafidelense reconheceu que o atleta  teve um comportamento e uma prova exemplar e poderia ter chegado ao segundo lugar.

“Mais um dia em que os ciclistas da Silva Vinha/Adrap/Sentir Penafiel estiveram ao mais alto nível, com garra e determinação. Tiago Nunos mesmo com alguma chuva ao longo do seu C/ R nunca deixou de acreditar que poderia chegar ao pódio, um percurso bastante técnico e com muita dureza todos os ciclistas da Adrap estiveram ao mais alto nível, os resultados foram sem duvida excelentes, classificação de todos os ciclistas cadetes e juniores”, expressou, manifestando que o associação continua a ter como foco principal a formação.

Em cadetes, destaque ainda, para as prestações de Nelson Moreira, nono classificado, com o tempo de 21:58; Diogo Sousa, 39.º, com o tempo de 23:17; Tiago Sousa, 47.º, com o tempo de  23:24; Diogo Pinto, 58.º, com  23:48 e Carlos Mendes, 63.º.

Em juniores João Gomes, foi 12.º,  27:02; Ruben Silva, 46.º, com  28:30, Nuno Magalhães, 52.º com o tempo de 28:40 e João Nunes, 78.º, cm o tempo de 31:40.