Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

Clube Motard Figueiras confiante que prova de Lustosa vai ser um êxito apesar da ausência do público

Fotografia: Câmara de Lousada

A freguesia de Lustosa, em Lousa, acolhe este domingo, uma prova de Motocross promovida pelo Clube Motard de Figueiras na Pista Voltas e Rodas da Quinta da Azenha, pontuável para o campeonato nacional.

O presidente do Clube Motard de Figueiras, Manuel Ferreira, mostrou-se confiante que apesar da ausência de público e de todas as restrições impostas pelas autoridades de saúde, a prova vai  ser um êxito, com a possibilidade de ser seguida pelo muitos fãs e admiradores das duas rodas através de vários canais e dispositivos online.

“As expetativas são boas apesar da situação pandémica e da prova realizar-se à porta fechada. É claro que preferíamos ter presentes os adeptos a vibrarem pelo desporto motorizado e pelos seus pilotos”, disse, admitindo que uma competição sem público não é a mesma coisa, mas que os muitos fãs terão a possibilidade de acompanhar a par e passo todos os pormenores da  corrida através dos meios de comunicação que irão transmitir o evento.

“Como já dissemos, não vai ser a mesma coisa, mas achamos que pelos meios de comunicação que transmitirão em direto os apaixonados pelo desporto estarão com certeza a vibrar”, frisou, salientando que a prova tem cerca de 80 inscrições.

“A pista tem condições para efetuar a prova com público e garantir a segurança em relação à Covid-19. Claro que implica mais trabalho da nossa equipa para implementar todas essas questões de segurança”

Manuel Ferreira admitiu que este era um regresso muito ambicionado para os adeptos do motocross e demais atores que estão ligados ao desporto motorizado.

“Com certeza que sim. Obviamente, mais uma vez, não nas condições em que estamos a promover a prova mas sim,  é um regresso desejado”, acrescentou, precisando que existem condições a curto/médio prazo para o público regressar à pista.

“A pista tem condições para efetuar a prova com público e garantir a segurança em relação à Covid-19. Claro que implica mais trabalho da nossa equipa para implementar todas essas questões de segurança”, afiançou.

Fotografia: Câmara de Lousada

Questionado sobre os impactos desportivos e financeiros que a Covid-19 teve no Clube Motard de Figueiras, o responsável pelo clube declarou que no âmbito económico o clube teve menos patrocínios e implicou também o encerrar da sede em maio.

“Somos um clube que nos últimos anos tem promovido 3 a 4 provas de motociclismo sendo duas delas nacionais. Esta será a primeira deste ano que, num ano típico, a esta data já seria a última. No âmbito económico tivemos menos patrocínios, fechamos a nossa sede em maio, claro que isto implica alguma perda financeira”, sustentou.

Interpelado se considera estarem reunidas as condições para o regresso das outras provas que estão já agendadas e que fazem parte do campeonato nacional, Manuel Ferreira esclareceu que provas promovidas pelo Clube Motard de Figueiras não há mais nenhuma agendada.

“As restantes entidades achamos que sim, que têm condições para realizarem as provas”, referiu.

Refira-se que a transmissão em ‘streaming’ irá permitir que os seguidores da modalidade acompanhem os seus pilotos e sigam todas as “nuances” da corrida.