Novum Canal

mobile

tablet

Câmara de Paredes destruiu 107 ninhos de vespa asiática entre abril e julho

Partilhar por:

A Câmara Municipal de Paredes, através do Serviço Municipal de Proteção Civil e da parceria com a Associação Nativa – Natureza, Invasoras e Valorização Ambiental, destruiu, este ano, 107 ninhos de vespa asiática, em todas as freguesias do Concelho. A intervenção média, desde que é reportada fica resolvida, demorou menos de 8 horas.

Segundo a autarquia, a eliminação de vespeiros ocorreu na época 2020/2021, entre 8 de abril e 31 de julho, com a resolução de todos os casos reportados.

Citado em comunicado, o vereador da Proteção Civil, Elias Barros, referiu que a eficácia deste serviço “garantido e pago pela autarquia permitiu atuar atempadamente e resolver o problema da vespa asiática em todo o Concelho”.

O autarca manifestou que estas operações são realizadas “por técnicos especializados e capacitados que vão para o terreno devidamente equipados para o efeito, assegurando, desta forma, uma maior proteção e segurança das populações”.

Refira-se que na época 2019/2020, entre 24 de abril de 2019 e 7 de abril de 2020, foram reportados e exterminados 528 ninhos de vespa asiática.

De acordo com o município, no início do ano foram colocadas cerca de uma centena de armadilhas para captura de vespas asiáticas.

“Esta medida serviu também para atuar de forma precoce na deteção do inseto invasor e contribuir para a rápida resposta na sua erradicação”, lê-se na nota enviada ao Novum Canal que solicita à população que identificar vespeiros para contactar o Serviço Municipal de Proteção Civil, através do 255788800 ou e-mail protecao.civil@cm-paredes.pt.

Os munícipes podem ainda contactar a Junta de Freguesia da área de residência.


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!