Novum Canal

mobile

tablet

Arouca Film Festival: Vereador da educação releva trabalho da Casa Museu de Vilar e reconhecimento internacional dos filmes produzidos em Lousada

Partilhar por:

Fotografia: Câmara de Lousada

O vereador da educação da Câmara de Lousada, António Augusto, assumiu ao Novum Canal ser um privilégio verificar que Lousada vai voltar a estar no Arouca Film Festival, um certame de curtas-metragens que procura distinguir jovens cineastas.

Falando dos quatro filmes selecionados para a 18. ª edição do Festival de Cinema de Arouca, o autarca destacou que embora o objetivo das Oficinas de Cinema de Animação não seja produzir filmes para concorrer a festivais e obter prémios, estar presente no certame é “gratificante” e faz jus ao trabalho que vem sendo realizado em Lousada na área do cinema de animação.

“Embora o objetivo das Oficinas de Cinema de Animação não seja produzir filmes para concorrer a festivais e obter prémios, esta possibilidade é, contudo, o corolário do bom trabalho que se faz e é obviamente motivo de regozijo para todas as equipas e estímulo para fazer cada vez melhor. Assim, ficamos sempre muito contentes quando temos a possibilidade de mostrar o nosso trabalho fora do concelho, o que já é um bom reconhecimento, se algo mais acontecer será bem-vindo”, disse, salientando que já não é a primeira vez que Lousada tem filmes selecionados para festivas.

“É uma felicidade termos a Casa Museu de Vilar no nosso território, bem como a disponibilidade do realizador e produtor Abi Feijó para se envolver neste trabalho com as escolas. Seria mau não aproveitarmos todas estas sinergias”

“É verdade todos os anos temos tido filmes selecionados nomeadamente para o IndieJúnior, Festa Nacional da Animação, Cinanima, Ação 06! Festival de Vídeo Escolar, e também para festivais noutros países. Também já se tornou um hábito sermos premiados. É uma felicidade termos a Casa Museu de Vilar no nosso território, bem como a disponibilidade do realizador e produtor Abi Feijó para se envolver neste trabalho com as escolas. Seria mau não aproveitarmos todas estas sinergias, que certamente são transformadoras para os alunos que usufruem do projeto. É também muito gratificante ver que este trabalho é reconhecido internacionalmente, como por exemplo, pela reportagem publicada na semana passada sobre o projeto num dos mais importantes sites da especialidade a nível mundial – Cartoon Brew”, expressou.

Fotografia: Câmara de Lousada

Questionado sobre o trabalho que tem sido realizado pela Casa Museu de Vilar, António Augusto realçou que a  Casa Museu de Vilar e a fixação na mesma do realizador Abi Feijó e da realizadora Regina Pessoa dá a Lousada uma centralidade no mundo do Cinema de Animação que ultrapassa as fronteiras da região e do país.

“O facto do realizador Abi Feijó e da realizadora Regina Pessoa serem membros da Academia dos Oscars e, por exemplo, do último filme desta, “Tio Tomás, A Contabilidade Dos Dias” ter estado entre os 10 finalistas à nomeação para o Óscar de Melhor Curta-Metragem de Animação, diz bem do privilégio que temos em proporcionar aos nossos alunos e professores este acompanhamento”, afirmou.

“O envolvimento dos professores de diferentes disciplinas é também uma peça chave no sucesso do projeto”

 Ao Novum Canal, o responsável pela pasta da educação manifestou, também, que a aposta na promoção do cinema junto das escolas é para manter.

“Claramente o projeto é para manter. Aliás temo-nos envolvido na realização de ações de capacitação, nesta área da imagem animada, para professores no sentido de alguns grupos se poderem autonomizar e garantir a perenidade do mesmo. O envolvimento dos professores de diferentes disciplinas é também uma peça chave no sucesso do projeto, a quem eu aproveito para agradecer”, afirmou.

Interpelado se existem condições para num futuro a curto/médio prazo Lousada criar um circuito ou um festival de cinema como o de Arouca, o autarca esclareceu que o município tem uma pequena Mostra Anual dos Filmes que produz.

“No futuro esta mostra poderá ser alargada. Estamos a fazer o trabalho de base que é o ensino desta linguagem, o que vai permitindo criar público para iniciativas futuras mais ambiciosas”, concretizou.


Partilhar por:

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Receba todas as novidades!

Subscreva a nossa Newsletter

SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS!

Ajude o Jornalismo Regional

IBAN: PT50 0045 1400 4032 6005 2890 2
Caixa de Crédito Agrícola Mútuo

Obrigado!

Estamos a melhorar por si.
Novum Canal, sempre novum, sempre seu!