Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

Lamego: Festas em Honra de Nossa Senhora dos Remédios não vão ser realizadas nos moldes habituais

Fotografia: Câmara de Lamego

As Festas em Honra de Nossa Senhora dos Remédios, em Lamego, um evento  ímpar no país, não vão ser realizadas nos moldes habituais, devido à crise sanitária que está a afetar o país e a região.

Em comunicado enviado ao Novum Canal, o  presidente da Câmara Municipal de Lamego, Ângelo Mendes Moura, realçou que à semelhança de anos transatos, o planeamento e organização das Festas em Honra de Nossa Senhora dos Remédios – A Romaria de Portugal, foi confiado à Comissão de Festas, a qual deu início aos trabalhos de preparação da edição das Festas para o ano de 2020, no final do ano de 2019, mas após meses de trabalho, viu a sua atividade abruptamente interrompida, a 9 de março de 2020, dia em que foi aprovado o plano de contingência municipal.

O autarca recordou que desde essa data o município e a Comissão de Festas têm acompanhado a evolução do contexto de pandemia, mantendo contacto regular com as instituições governamentais, religiosas, autoridades de saúde e de proteção civil, com quem sempre se coordenaram.

“Na sequência do exposto, as Festas em Honra de Nossa Senhora dos Remédios – A Romaria de Portugal, não poderão ser realizadas no presente ano, nos moldes a que estamos habituados e que sempre desejamos, estando por isso cancelados todos os eventos musicais com público, bem como as famosas Marcha Luminosa, Batalhas das Flores, Cortejo Etnográfico e a Majestosa Procissão de Triunfo, o que também mereceu acolhimento por parte da Câmara Municipal e da Irmandade de Nossa Senhora dos Remédios”, referiu.

O chefe do executivo manifestou, também, que esta foi uma decisão difícil de implementar, mas necessário fazê-lo para prevenir um possível e eventual surto e a criação de uma ou várias cadeias de transmissão do novo Covid 19.

“Decisão extremamente difícil, eventualmente uma das decisões mais difíceis que alguma vez foi tomada sobre as Festas, mas com consciência e com a certeza que é a melhor forma de garantir a saúde pública e de prevenir um possível e eventual surto e a criação de uma ou várias cadeias de transmissão do novo Coronavírus – Covid 19”, referiu, salientando que apesar deste contexto, Lamego não deixará de homenagear a sua Padroeira, a Nossa Senhora dos Remédios, tendo sido já delineadas iniciativas que permitirão aos lamecenses comemorar condignamente a sua “Romaria de Portugal” as quais, em momento oportuno, serão divulgadas.

Fotografia: Câmara de Lamego

“Assumido fica o compromisso de, em 2021, com esta situação de pandemia debelada, como todos esperamos, as Festas em Honra de Nossa Senhora dos Remédios”, expressou, sustentando que além das recomendações da Direção-Geral da Saúde (DGS), enquanto Autoridade Nacional da Saúde Pública, onde recomenda o adiamento ou cancelamento de eventos de massas com o objetivo de evitar a propagação do vírus entre um elevado número de pessoas em espaços confinados, o  Conselho Permanente da Conferência Episcopal Portuguesa, datado de 8 de maio de 2020, em comunicado manifestou que as”Peregrinações, procissões, festas, romarias, concentrações religiosas, acampamentos e outras atividades similares em grandes grupos, passíveis de forte propagação da epidemia, continuam suspensas até novas orientações”.