Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

Piscinas municipais de Paços de Ferreira continuam a funcionar com segurança

Fotografia: Câmara de Paços de Ferreira

A Câmara de Paços de Ferreira informou que as piscinas municipais continuam a funcionar com toda a segurança.

Numa mensagem colocada na página do facebook da instituição, a autarquia destacou que está a ser feita a desinfeção e higienização dos cacifos após cada utilização, a medição da temperatura corporal de todos os utentes e funcionários, à entrada das instalações, assim como a desinfeção e higienização, entre utilizações, de todas as superfícies de uso comum.

O município esclareceu, ainda, que todos os equipamentos e materiais de uso comum no ginásio, são higienizados entre utilizações, tendo como objetivo zelar e salvaguardar  a segurança dos utentes e dos funcionários.

Refira-se que recentemente foi diagnosticada a doença COVID-19 a um professor de Pólo Aquático do Clube Aquático Pacense (CAP) que dava aulas a um conjunto de alunos do CAP nas piscinas de Paços de Ferreira e também de Freamunde.

Como medida de precaução, a Autoridade de Saúde Pública Local determinou o isolamento profilático do professor e de todos os alunos que passaram a estar confinados às suas casas durante 14 dias.

Atendendo às circunstâncias que envolvem a forma como esta modalidade estava a ser ministrada, a Autoridade de Saúde Pública Local optou por manter estes equipamentos abertos ao público.

Fotografia: Câmara de Paços de Ferreira

Atendendo às circunstâncias que envolvem a forma como esta modalidade estava a ser ministrada, às medidas de contingência em vigor nestes equipamentos desportivos e, também, ao facto dos jovens atletas em causa utilizarem um balneário próprio durante a sua permanência nas piscinas, foi decidido pela Autoridade de Saúde Pública Local manter estes equipamentos abertos ao público”, referia o comunicado da câmara municipal à data.

Ainda de acordo com o município, a empresa municipal Gespaços decidiu reduzir, ainda mais, a lotação das piscinas exteriores, passando dos atuais 325, para um máximo de 200 utilizadores, num espaço cuja lotação máxima é superior a 800 pessoas.

Relativamente às piscinas interiores e ao ginásio, manter-se-ão em vigor um conjunto de medidas especiais que foram adotadas desde a reabertura destes espaços e que garantem a segurança dos seus utilizadores”, esclarecia o comunicado da autarquia.