Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

Prisão domiciliária por violência doméstica no Marco de Canaveses

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Penafiel, no dia 29 de junho, deteve um homem, de 56 anos, por violência doméstica, no concelho de Marco de Canaveses.

Na sequência de uma investigação relacionada com violência doméstica, os militares da Guarda  apuraram que o suspeito exercia violência verbal e física contra as vítimas, sua ex-companheira, de 31 anos, e contra o filho desta, de 11 anos, quando saía em defesa da sua mãe. Após terminarem o relacionamento, em 2019, o suspeito comecou a perseguir, importunar e a intimidar a vítima, e a ameaçá-la de morte, assim como ao filho de ambos, de dois anos.

A vítima, no final do mês de maio, no decorrer de uma das visitas parentais estipuladas pelo Tribunal de Família e Menores, autorizou a saída da criança, com a companhia do irmão de 11 anos, e, já na casa do suspeito, a criança de dois anos, deixou cair um objeto tendo-o partido. Perante a situação, o suspeito pegou na criança e atirou-a ao chão, provocando-lhe hematomas na cabeça, tendo de seguida levado a criança para o quarto de banho, onde, já com a banheira cheia de água, submergiu a cabeça da criança por tempo indeterminado. O irmão de 11 anos, de imediato entrou no quarto de banho ameaçando o suspeito que ia avisar a mãe e a GNR, ao mesmo tempo que retirava o irmão da banheira, estando este com dificuldades em respirar. Nesse momento o suspeito abandonou as crianças e fugiu de casa.

O suspeito foi presente ao Tribunal Judicial Marco de Canaveses, onde ficou sujeito à medida de coação de prisão domiciliária, tendo sido encaminhado a estabelecimento prisional, aguardando a colocação dos dispositivos na sua habitação.