Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

O presidente da Câmara Municipal de Baião, Paulo Pereira, visitou, no dia 18 de junho, o Arquivo Nacional da Torre do Tombo, em Lisboa

O presidente da Câmara Municipal de Baião, Paulo Pereira, visitou, no dia 18 de junho, o Arquivo Nacional da Torre do Tombo, em Lisboa, onde se reuniu com o Diretor Geral do Livro, Arquivos e Bibliotecas, Silvestre de Almeida Lacerda. Participaram também no encontro o presidente da Assembleia Municipal de Baião, José Luís Carneiro e a vereadora Anabela Cardoso, responsável pelo pelouro da Cultura na autarquia baionense.

Fotografia: CM Baião

A Torre do Tombo possui inúmeros documentos centenários, de enorme valor histórico e cultural. Na reunião foi abordada a importância da consulta de documentos, já identificados, e relativos ao Mosteiro de São Domingos de Lisboa.Estes livros medievais oferecem dados e informação de grande valor histórico sobre o Mosteiro de Santo André de Ancede, visto que o mosteiro situado no concelho de Baião era um dos mais importantes sob a alçada da Ordem de São Domingos.

O acesso a estes documentos é muito importante para enriquecer o livro “Baião – em Torno do ano 1000”, cuja elaboração está a cargo do investigador António Lima. Este livro insere-se na História Económica e Social de Baião, um projeto muito vasto da Câmara Municipal de Baião para dar a conhecer a evolução do concelho, desde o ano zero até à época contemporânea.

Foi possível, na visita, observar e apreciar alguns dos livros centenários referenciados, que devido ao passar dos anos devem ser manuseados e consultados com grande delicadeza e cuidado.

Os responsáveis baionenses mostraram-se disponíveis para colaborar com o Arquivo Nacional no restauro e conservação dos referidos volumes. Dessa parceria poderia resultar a digitalização das obras, para que as mesmas pudessem ser facilmente acessíveis a cidadãos e a investigadores que tivessem interesse em estudá-los.

A valorização desse património poderia, inclusivamente, resultar na realização de exposições públicas, sobre a importância deste património que é de todos e que merece ser preservado e divulgado.

HISTÓRIA ECONÓMICA E SOCIAL DE BAIÃO

Recorde-se que até à data foram publicados sete volumes sobre a História Económica e Social de Baião, cada uma destinada a uma época específica da construção da paisagem e da história do concelho. “Baião – Em torno do Ano Zero” de Lino Tavares Dias; “Baião – Em torno do Ano 500” de Arlindo de Magalhães; “Baião – Em torno do Ano 1500” de Joel Mata; “Baião – Em torno das Memórias Paroquiais de 1758” de Pedro Nuno Vieira; “Baião – Em torno de 1800-1910” e “Baião – Em torno de 1910-2000” ambas de Jorge Fernandes Alves e “Baião – Em torno do território de Baião” de Elsa Pacheco, Laura Soares e António Costa.