Novum Canal – Sempre novum, sempre seu.

Novum Informação – Noticias da região

Presidente da Associação de Futebol Amador do Concelho de Penafiel admite que cancelamento de provas afetou receitas de clubes

O presidente da Associação de Futebol Amador do Concelho de Penafiel, Jorge Pinto, confessou que o cancelamento de todas as provas  organizadas pela coletividade, na sequência do surto sanitário, tendo sido a melhor opção, está a ter consequências significativas nas finanças dos clubes.

Ao Novum Canal, Jorge Pinto, assumiu que apesar de não existir qualquer estudo sobre o impacto económico nas receitas dos clubes, muitos emblemas encontram-se numa situação financeira debilitada.

“Existem clubes numa situação difícil até porque estamos a falar de coletividades que vivem dos patrocínios, do funcionamento dos bares e de alguns torneios para arrecadar receitas, mas com toda esta situação e a incógnita quanto ao futuro, é evidente que as dificuldades fazem-se sentir”, concretizou, salientando que os apoios para as associações são escassos.

Apesar  deste cenário, e do quadro de incertezas quanto ao início das provas e das várias competições, Jorge Pinto consentiu que o futuro não estará comprometido, tendo relevado a resiliência e determinação dos dirigentes e presidentes das associações que mesmo em momentos difíceis são os primeiros a lutar e a enfrentarem as adversidades.

Questionado sobre o período temporal para o reatar as competições, o presidente da Associação de Futebol Amador do Concelho de Penafiel declarou que tudo irá depender da evolução do quadro epidemiológico da Covid-19.

“Para já é tudo uma incógnita. Estamos dependentes das orientações da Direção-Geral de Saúde e das autoridades desportivas. Sem um consentimento destas e uma indicação de que a situação está normalizada, não iremos iniciar as provas”, constatou, sublinhando que não existindo condições sanitárias e de saúde pública o campeonato de futebol amador não irá arrancar.

“O futebol é um desporto de contacto físico e os atletas não podem jogar com máscaras. Acima de tudo queremos zelar pela segurança e bem-estar de todos os intervenientes”, confessou, esclarecendo que decisão de cancelar todas as competições organizadas pela associação, foi devidamente ponderada e surgiu assim que a Associação de Futebol do Porto deu indicações para cancelar todas as competições e os campeonatos distritais e nacionais foram, mais tarde, dados por concluídos.